A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

13/04/2016 19:44

Procon e empresa não entram em acordo, mas shows estão garantidos

Paulo Yafusso
Mesmo com o impasse sobre a meia entrada para estudantes, shows na Expogrande 2016 estão garantidos (Foto: Marcos Ermínio)Mesmo com o impasse sobre a meia entrada para estudantes, shows na Expogrande 2016 estão garantidos (Foto: Marcos Ermínio)

Os representantes do Procon (Superintendência de Orientação e Defesa do Consumidor) e da empresa Santo Show, responsável pelos shows na Expogrande (Exposição Agropeciária de Campo Grande), foram para a Promotoria de Justiça de Defesa do Consumidor na tarde desta quarta-feira (13) preparados para assinar um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) que resolveria o impasse relacionada à meia-entrada para os estudantes nos eventos. Mas depois de uma hora de discussões, não houve acordo e nova reunião foi marcada para as 9h desta quinta-feira (14)

Mas os shows agendados para estes últimos dias da Expogrande, como o de Wesley Safadão na sexta-feira (15) estão garantidos, segundo o coordenador de Atendimento e Fiscalização do Procon, Erivaldo Marques Pereira. A Exposição, que começou no dia 7, termina no domingo (17). Ao final da reunião da tarde desta terça-feira, o promotor de Justiça Fabrício Proenza Azambuja, alertou os promotores do evento que caso o TAC não seja assinado amanhã, serão adotados procedimentos judiciais.

O representante do Procon não dá informações sobre que pontos não houve acordo. Mas uma das questões que deve ser motivo de discussão é sobre o que será feito com os ingressos já vendidos. Erivaldo afirma que tudo indica que o Termo de Ajustamento de Conduta será assinado, pois os representantes do Santo Show “perceberam que não é vantagem não fecharem o acordo”.

A reunião entre as três partes é resultado das denúncias recebidas pelo Procon de que a promotora dos shows estava se recusando a vender meia entrada para os estudantes. O Procon afirma que havia tentando várias vezes se reunir com os empresários, mas as tentativas foram infrutíferas.

Como em todos os grandes shows chegam denúncias de descumprimento da lei da meia entrada, o Procon está organizando uma reunião para a próxima semana, com os promotores de shows e entidades representativa dos estudantes, para realizarem uma audiência pública para encontrar uma solução para o problema. O Campo Grande News tentou contato com o advogado do Santo Show, Fábio de Melo Ferraz, mas ele não atendeu as ligações.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions