A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

04/10/2013 20:51

Réu é condenado a 14 anos por homicídio realizado em 2009

Vinícius Squinelo

Em julgamento realizado nesta sexta-feira (4), pela 2ª Vara do Tribunal do Júri de Campo Grande, Luciano Ferreira Bibiano foi condenado à pena de 14 anos de reclusão em regime fechado. Os outros dois acusados, Luiz Carlos Pereira da Silva e Carlos Henrique Ferreira Campos foram absolvidos. Todos eram acusados pelo crime de homicídio cometido por motivo torpe com recurso que dificultou a defesa da vítima.

Segundo a denúncia, no dia 25 de julho de 2009, na Rua Pedro Alves da Costa, localizada no bairro Vespasiano Martins, em Campo Grande, os acusados teriam matado a tiros de revólver a vítima Daniel Messa Flores.

Ainda de acordo com a denúncia, Carlos teria fornecido a arma para Luciano desferir os tiros em Daniel e Luiz o teria levado até o local do delito e ajudado a fugir.

Reunido em sala secreta, o Conselho de Sentença, por maioria dos votos declarados, condenou Luciano pelo crime de homicídio qualificado por motivo torpe e recurso que dificultou a defesa da vítima e absolveu os outros, acatando a tese de negativa de participação apontada pela defesa.

Assim, pelos crimes cometidos, o magistrado fixou em definitivo a pena do réu Luciano em 14 anos de reclusão, em regime fechado.

Eventos de Natal, inauguração de igreja e obras interditam 9 ruas na Capital
A Agetran (Agência Municial de Transporte e Trânsito) informa que pelo menos 9 ruas terão o tráfego impedido neste domingo (17) em Campo Grande. O fe...
Bandidos armados com faca usam carro prata para assaltar vítimas
Dois homens armados com faca em um carro prata - com placas HTI-8594 - assaltaram ao menos duas vítimas, na madrugada deste domingo (17), no Bairro C...


Inacreditável essa absolvição dos dois elementos que contribuíram para a morte do Daniel, pois se o Carlos não tivesse emprestado a arma não haveria morte, se mesmo assim ainda Luciano estava com a arma e não tivesse a moto para levá-lo ao local e depois fugir também não haveria a morte, portanto é descabido essa absolvição. Luciano atirou com uma arma emprestada por Carlos e foi escoltado por Luiz, sendo assim no mínimo os co autores deveriam pegar metade da pena do autor.
 
Douglas Ruiz em 04/10/2013 22:13:59
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions