A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

16/11/2013 18:45

Sem ajuda do Samu, idoso perde vaga na Santa Casa e corre risco de morte

Vinícius Squinelo

Wilson Romeiro, 77 anos, perdeu a vaga no setor coronariano da Santa Casa após não ser transportado para o hospital por uma viatura do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). Agora, o idoso espera nova oportunidade de ser atendido enquanto está definhando no posto de saúde – nas palavras de familiares, que denunciaram a situação.

Romeiro passou mal por volta das 13h de ontem (15) e foi encaminhado pela família para o Centro Regional de Saúde do Conjunto Aero Rancho. Ele foi atendido pela equipe médica, que constatou que o idoso precisa de um marcapasso.

Os médicos solicitaram vaga na Santa Casa, que indicou a existência de uma na manhã deste sábado (16). O Samu foi acionado para transportar Romeiro às 13h de hoje, mas não compareceu, e Romeiro acabou perdendo a vaga no hospital e, consequentemente, o atendimento especializado.

“Ligamos duas vezes para o Samu, na primeira falaram que a vaga não existia, e depois que a chuva não permitia a liberação de uma viatura”, denunciou Pâmela Tizzo Romeiro, 26 anos, neta de Wilson.

Segundo os familiares, Romeiro está tendo um ótimo atendimento no Centro do Aero Rancho, mas precisa da estrutura e profissionais adequados da Santa Casa, e corre risco de ter sequelas com a falta de atendimento.

O idoso apresenta insuficiência cardiorrespiratória e arritmia. Ele está sendo medicado, porém o tratamento pouco efeito está fazendo.

“É uma situação humilhante, eu fico vendo meu avô definhando na maca, mas não posso nem levar pro hospital, já que precisa de uma ambulância”, lamentou Pâmela. “Não sabemos quanto tempo vai demorar pra liberar outra vaga, mas se a secretaria (municipal de Saúde) não tem condições de atender, tem que comprar uma vaga em hospitais particulares”, cobrou.

A família está desesperada, e pede socorro para os responsáveis do setor em Campo Grande.

Brinquedos feitos por detentos são doados para crianças em escola
Parceria feita entre a a Semed (Secretaria Municipal de Educação) e a Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) garantiu ne...
Falta de pagamento faz prefeitura suspender hemogramas na rede pública
A falta de pagamento para um fornecedor de insumos fez com que a prefeitura de Campo Grande suspendesse a partir desta quarta-feira (13) a realização...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions