ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, QUINTA  21    CAMPO GRANDE 25º

Capital

Tio salva sobrinha de incêndio em casa que foi destruída pelo fogo

Homem foi socorrido com queimaduras no rosto, braço, perna e costas. Menina teve queimaduras leves

Por Ana Oshiro e Cristiano Arruda | 25/09/2021 12:15
Ana Lúcia observa como a cozinha ficou após ser destruída pelas chamas (Foto: Henrique Kawaminami)
Ana Lúcia observa como a cozinha ficou após ser destruída pelas chamas (Foto: Henrique Kawaminami)

Homem, de 27 anos, foi socorrido com queimaduras graves no rosto, braço, perna e costas, depois de salvar a sobrinha, de 12 anos, de dentro de casa pegando fogo na rua Marques de Herval, no bairro Nova Lima, em Campo Grande.

Conforme apurado pelo Campo Grande News, com a mãe da adolescente socorrida, Ana Lúcia, de 32 anos, que trabalha com materiais recicláveis, a casa que pegou fogo é uma quitinete, que fica nos fundos de outra residência, onde ela mora com quatro crianças, a filha de 12 anos e outros três filhos, sendo uma menina e dois meninos, mais novos.

A adolescente estava sozinha no local, trancada dentro do quarto, brincando no celular, as outras crianças estavam com os parentes, na casa da frente. A menina se trancou no quarto da edícula "pros irmãos não incomodarem ela", segundo depoimento de Ana Lúcia.

O fogo começou na cozinha da quitinete, provavelmente na fiação. Com telhas de eternit e sem forro no teto, os fios esquentaram por causa do calor e as chamas tomaram conta do cômodo, chegando até o banheiro. A adolescente viu a fumaça e começou a gritar por socorro.

Incêndio começou em fiação de casa (Foto: Henrique Kawaminami)
Incêndio começou em fiação de casa (Foto: Henrique Kawaminami)

"Meu cunhado ouviu os gritos, veio aqui nos fundos e viu o fogo, aí ele arrombou a porta da cozinha, arrombou a porta do quarto, pegou minha filha no colo e saiu com ela da edícula. Eu tava aqui perto trabalhando e vim correndo", conta a catadora de recicláveis.

Ao passar pelas chamas, com a sobrinha no colo, o homem acabou se queimando gravemente e foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros para a Santa Casa de Campo Grande. A adolescente teve queimaduras leves na testa e joelho, mas foi encaminhada para o hospital por precaução.

O fogo destruiu parcialmente a quitinete, ficando intacto apenas o quarto onde Ana Lúcia e os 4 filhos dormem. O cômodo mais afetado foi a cozinha, onde os armários, geladeira e fogão foram tomados pelas chamas. Quem quiser ajudar a família, pode entrar em contato com Ana Lúcia pelo telefone (67) 9 9232-0533.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário