ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUARTA  28    CAMPO GRANDE 30º

Capital

TJ inaugura iluminação natalina com cantata e fogos de artifício

Evento que contou com figuras públicas aconteceu na noite desta sexta-feira (1º), no Parque dos Poderes

Por Gustavo Bonotto | 01/12/2023 23:39
Grupo apresenta obra vocal sobre o nascimento de Jesus. (Foto: @eduardoriedelms no Instagram)
Grupo apresenta obra vocal sobre o nascimento de Jesus. (Foto: @eduardoriedelms no Instagram)

Com coral formado por servidores ativos, aposentados e estagiários do Judiciário, o TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) abriu as portas do Palácio, situado no Parque dos Poderes, em Campo Grande, para celebrar a Cantata de Natal na noite desta sexta-feira (1º).

Os integrantes, liderados pelo maestro Nillo Cunha e conhecidos como 'encantadores de almas', apresentaram 14 peças que incluem obras instrumentais e vocais. As apresentações têm dinâmica bíblica, já que a ideia é cantar o Natal, data do nascimento de Jesus.

A celebração contou com a presença de diversas figuras públicas, como o governador Eduardo Riedel (PSDB). "Época mais linda do ano, é tempo de celebrar a renovação, união e paz que tanto almejamos. Que esse mês traga toda a energia do Natal para nossas vidas", disse o gestor.

Além da apresentação musical de 50 integrantes, foram acesas as luzes que iluminarão o prédio do Tribunal de Justiça durante toda a festividade.

Nova chance - A cantata será reapresentada mais duas vezes na próxima semana. Uma das celebrações acontece no Fórum da Capital, na segunda(4). Já o Cijus (Centro Integrado da Justiça) recebe o coral na quarta-feira (6), sempre às 18h.

Eduardo Riedel acompanha apresentação na primeira fila. (Foto: @eduardoriedelms no Instagram)
Eduardo Riedel acompanha apresentação na primeira fila. (Foto: @eduardoriedelms no Instagram)

Receba as principais notícias pelo celular. Clique aqui para entrar no canal do Campo Grande News.

Nos siga no Google Notícias