A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 16 de Setembro de 2019

25/08/2019 12:26

Tradição, portões abertos da Base Aérea ainda recebem “debutantes”

São esperadas pelo menos 30 mil pessoas durante a programação do evento neste domingo (25)

Jones Mário e Clayton Neves
Aeronaves utilizadas pela FAB estão expostas e abertas à visitação durante o dia (Foto: Clayton Neves)Aeronaves utilizadas pela FAB estão expostas e abertas à visitação durante o dia (Foto: Clayton Neves)

A Ala 5, antiga Base Aérea de Campo Grande, abriu portões para a população próximo às 10h deste domingo (25). A programação segue até 17h com exposições de aeronaves da FAB (Força Aérea Brasileira) e simulações de operações militares, além de apresentação da Esquadrilha da Fumaça. Já tradicional e com edições anuais, o evento ainda atrai visitantes de “primeira viagem”.

A advogada Lidiane Scheibler, 33 anos, é uma das “debutantes” em portões abertos da Base Aérea de Campo Grande. Ela explica que não prestigiou as edições anteriores por falta de oportunidade. Desta vez, se programou e levou também a filha de dois anos.

“Sempre quis vir e não quis deixar passar. Estou gostando. É um evento organizado e familiar”, disse. Lidiane contou com a companhia da amiga Jane Flores, 49, empregada doméstica e já veterana no evento. “É minha terceira vez. Gostei tanto que sempre venho”. Jane afirmou que pretende voltar pela tarde para acompanhar a performance da Esquadrilha, que realiza manobras em suas sete aeronaves A-29.

Pela manhã, o cenário na Ala 5 era de intensa circulação de pessoas, com dezenas de veículos estacionados pela região e vendedores ambulantes por todo o entorno. Segundo a assessora de comunicação da Base, tenente Camila Barbieri, são esperadas 30 mil pessoas neste domingo.

Estrutura de apoio do evento conta com praça de alimentação (Foto: Clayton Neves)Estrutura de apoio do evento conta com praça de alimentação (Foto: Clayton Neves)
Movimentação de pessoas na Base Aérea começou intensa pela manhã (Foto: Clayton Neves)Movimentação de pessoas na Base Aérea começou intensa pela manhã (Foto: Clayton Neves)

Além das exposições militares, com aeronaves de transporte, caça e helicópteros, a programação inclui também estandes de parceiros, como a UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), além de barracas para orientações em saúde. A estrutura de apoio tem praça de alimentação e parquinho para crianças.

A manicure Bruna Prado, 25, também participa do evento pela primeira vez. Acompanhada do marido e das filhas de dois e cinco anos, ela aprovou as atrações. “O mais bacana foi a exposição de aviões, poder ver de perto. Não temos tanto contato com aeronaves do campo militar”, destacou.

Bruna completa ainda que escolheu a manhã para fugir do calor. “O sol forte acaba sendo um empecilho, ainda mais com esse tempo seco”.

Dentista Bruno Dittmar colocou boné até no filho para se proteger do sol (Foto: Clayton Neves)Dentista Bruno Dittmar colocou boné até no filho para se proteger do sol (Foto: Clayton Neves)

O dentista Bruno Dittmar, 37, colocou boné até no filho de dois anos para minimizar os efeitos da temperatura. “É preciso que as pessoas conheçam e vejam o que o Brasil tem a oferecer em equipamentos de proteção civil. Além disso, é legal porque podemos ver e conhecer os militares que fazem parte dessa patrulha”, opinou.

A entrada para o dia de portões abertos da Base Aérea é gratuita, mas os visitantes podem colaborar com alimentos não-perecíveis e livros. A comida será doada para instituições de atendimento social, enquanto os livros reforçarão o projeto Gibiteca. Em 2018, o evento levantou 11,5 toneladas de alimentos e 3 mil livros.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions