A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

30/08/2012 20:36

Cassems já atende servidores de 25 prefeituras em MS

Nicholas Vasconcelos

Presidente da Cassems, Ricardo Ayache, entrega cartões para usuários de Itaquiraí. (Foto: Divulgação)Presidente da Cassems, Ricardo Ayache, entrega cartões para usuários de Itaquiraí. (Foto: Divulgação)

A Cassems passou a atender servidores 25 municípios de Mato Grosso do Sul a partir desta quinta-feira (30), com a entrada dos funcionários públicos da Prefeitura de Itaquiraí, a 410 quilômetros de Campo Grande.

Em Itaquiraí, o convênio com o plano de saúde foi autorizado pela lei municipal nº 527, que definiu que a contribuição será de 16% do rendimento bruto de cada servidor. A administração municipal vai arcar com metade desse valor e os servidores que aderiram ao plano de saúde terão os outros 8% descontados em folha.

Os 750 servidores que eram atendidos pelo SUS (Serviço Único de Saúde) passaram a ter acesso à assistência médica em consultórios, ambulatórios e hospitais, atendimentos psicológicos, odontológicos, fonoaudiológicos e fisioterapêuticos, além de exames laboratoriais, nas redes credenciadas em todo o Estado. O convênio tem validade de um ano e pode ser prorrogado pelo mesmo período.

De acordo com a Cassems, o plano atende 172 mil usuários em Mato Grosso do Sul, desses 25 mil são de prefeituras que firmaram convênios.

“O crescimento da Cassems permite o crescimento também do serviço que é oferecido, como novos hospitais, centros médicos e novos serviços. Melhora para todos.”, destacou o presidente da caixa, Ricardo Ayache. Ele destacou que a busca pelos planos de saúde tem crescido e os usuários buscam serviço de qualidade e custo aceitável.

Segundo Ayache, o próximo município a firmar convênio com a Cassems é Terenos, a 25 quilômetros da Capital.

Os servidores que ainda não receberam o cartão durante devem procurar a unidade Cassems de Itaquiraí.

Indenizações por morte no trânsito crescem 24% em relação a 2016
O número de indenizações pagas pelo Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (Seguro Dpvat) entre janeiro e novemb...
ANS regulamenta novas regras de compartilhamento para planos de saúde
A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) publicou duas resoluções normativas na tentativa de dar mais segurança e estabilidade ao mercado de pla...
UFMS recebe inscrições para vários cursos no Vestibular 2018
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) segue com inscrições abertas para o Vestibular 2018, que selecionará alunos para cursos de gradua...


Acretido que todos temos direito a esse plano... nao só os funcionarios estaduais, pois assim como eles, nos funcionarios publicos, trabalhamos com o intuito de ter uma vida dgna e saudavel!!!
 
ana rodrigues em 02/10/2012 10:58:39
Bom Dia!
A Cassems é um excelente plano de saúde, e como toda empresa que presta atendimento, nem sempre satisfaz a todos.
Sou da seguinte tese: não está satisfeito, não utilize, não pague, afinal o plano de saúde não é obrigatório e sim opcional.
E que os insatisfeitos passem a procurar o atendimento no SUS, para realmente descobrirem o que é um mal atendimento.
 
Ana Paula em 31/08/2012 11:59:07
Quero ver se a qualidade dos serviços prestados vai melhorar. Só isso.
 
Anita Ramos em 31/08/2012 11:53:14
A demora nos atendimentos em hospital ou clínica não é culpa do convênio, e sim dos médicos, Eles dão preferência aos atendimentos PARTICULARES. Sempre que precisei fui bem atendida na CASSEMS. Os insatisfeitos só vão sentir na pele ou no bolso, quando precisarem de um atendimento hospitalar (cirúrgico) . O SUS atende muito bem as emergências do dia a dia.
 
ESTELA MARQUES em 31/08/2012 11:29:59
Talvez é melhor em Campo Grande,porque em Corumbá é pior que o SUS!!! Aumentou a arrecadação,pois também tem convenio com a prefeitura e o atendimento só piorou...
 
arivaldo paiva em 31/08/2012 08:55:56
Mais um grupo de funcionários que será mal atendido, o atendimento da CASSEMS esta muito ruim, as filas são intermináveis, o prazo para atendimentos é muito longo.
 
Rudi Carlos em 31/08/2012 08:42:48
A Cassems foi criada para o Funcionalismo Estadual, mas agora começaram a enfiar funcionários das Prefeituras, com isto; os Hospitais estão Lotados ficando difícil o atendimento para os verdadeiros Beneficiários que são os funcionários estaduais.
 
Cristiano Rittis em 31/08/2012 07:47:55
A cassems tá virando um SUS estadual, abraçando muita coisa atrás de lucros e esquendo a qualidade, é fila p todo lado.
 
Luis Souza em 30/08/2012 10:22:08
mais alguns funcionarios para ser bem mal atendido depois que a cassems passou para o hospital unimed em tres lagoas ficou legal agora morro no corredor
 
carlos antonio em 30/08/2012 09:25:35
Porque a Prefeitura de Campo Grande não fecha o IMPCG e faz convênio com a CASSEMS, que é considerada hoje o melhor convênio para se ter em MS.
 
Luciane Ferreira S.Pires em 30/08/2012 09:01:35
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions