ACOMPANHE-NOS    
JULHO, DOMINGO  03    CAMPO GRANDE 21º

Cidades

Cidades de MS batem recorde nacional de calor e Capital bate Cuiabá

Por Edivaldo Bitencourt | 29/11/2013 16:04
Crianças se refrescam com água em bairro carente da Capital para enfrentar o forte calor (Foto: Cleber Gellio)
Crianças se refrescam com água em bairro carente da Capital para enfrentar o forte calor (Foto: Cleber Gellio)

A forte onda de calor e tempo seco está castigando os moradores de Mato Grosso do Sul nesta semana. Nesta sexta-feira, duas cidades registraram a mais alta temperatura do País e até Campo Grande, contrariando a lenda, enfrenta um dia mais infernal do que Cuiabá (MT).

Conforme o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), dia mais quente do Brasil foi registrado em Água Clara, com 13,9 mil habitantes e a 198 quilômetros da Capital. Os moradores enfrentaram um calor de 38,2º C na tarde de hoje, a maior temperatura do dia entre os 5,5 mil municípios brasileiros.

Além do intenso calor, a cidade ainda sofre com o tempo extremamente seco, com a umidade relativa do ar batendo em 22%, a segunda menor do País, só atrás de Patos (PB), com 19%.

A segunda maior temperatura foi registrada em Três Lagoas, a quilômetros de Campo Grande. Os 109,6 mil moradores enfrentaram um calor infernal de 37,8º C, o segundo maior do País. Entre as cinco cidades mais quentes, só Cáceres (MT), com 37,3º C, não é de Mato Grosso do Sul. Também sofrem com o calor os moradores de Miranda, com 37,2º, e Maracaju, com 36,6º C.

Campo Grande também está batendo recorde de tempo quente. A Cidade Morena registrou espantosos 34,5º C nesta sexta-feira, mesma temperatura registrada por Cuiabá, famosa pelo forte calor. Ontem, a Capital sul-mato-grossense superou a vizinha em calor, por 34,9º C a 34,1ºC.

Ontem, as três cidades mais quentes do País eram sul-mato-grossenses: Corumbá (37,2º C), Água Clara (37,2º C) e Aquidauana (36,9º C).

Previsão – O CPTEC (Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos) do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais e o Inmet alertaram para temporais no Estado. O primeira chegou a alertar para o risco de “temporais com grande poder de destruição”. O segundo prevê chuva forte, queda de granizo, raios e rajadas de vento.

Segundo o Inmet, a calor vai continuar no fim de semana na Capital, com os termômetros marcando entre 19º C e 33º C. Amanhã e domingo, pode ter pancada de chuva no decorrer do dia. Só não deve chover na terça-feira.

Nos demais municípios, os termômetros vão marcar de 18º C a 35º C. A previsão indica pancadas de chuva em todas as regiões no sábado, domingo e segunda-feira.

Meninos brincam em lagoa para aplacar a onda de calor que castiga moradores de Campo Grande (Foto: Cleber Gellio)
Meninos brincam em lagoa para aplacar a onda de calor que castiga moradores de Campo Grande (Foto: Cleber Gellio)
Nos siga no Google Notícias