A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

06/04/2010 08:27

Corumbá suspende pagamento de mais de 200 servidores

Redação

Mais de 200 servidores da prefeitura de Corumbá tiveram os vencimentos de março suspensos, por falta de recadastramento e envio de documentos ao departamento pessoal.

Alguns dos servidores alegam que não conseguiram apresentar parte dos documentos exigidos e outros reclamaram que não foram avisados por seus chefes imediatos do recadastramento.

A prefeitura depositou a folha de março no dia 31 de março. Quem não se cadastrou deverá procurar o departamento de pessoal e apresentar os documentos.

De acordo com a Conlutas (Coordenação Nacional de Lutas), alguns funcionários denunciaram que os sindicatos não orientaram os servidores sobre a questão. De acordo com a entidade, o Simted (Sindicato dos Trabalhadores em Educação) e o Simcor (Sindicato dos Servidores e Funcionários Público Municipal) não tomaram medidas contra a prefeitura. A Conlutas diz que os servidores que apresentarem os documentos irão receber o pagamento somente na sexta-feira (9).

A assessoria da prefeitura disse que o cadastramento segue procedimentos administrativos normais e que avisou com mais de um mês de antecedência sobre a data limite, que foi dia 12 de março.

De acordo com a prefeitura, os documentos requeridos eram simples, mas mesmo assim mais de 200 servidores não apresentaram os papéis no departamento de pessoal.

Os documentos exigidos são: cópia de carteira de identidade, CPF ou CNH; título de eleitor; certidão de casamento e/ou averbação da separação judicial, divórcio, comprovação de união estável; carteira profissional e/ou certidão de tempo de serviço previdenciário (cópia dos dados cadastrais e registro de empregos anteriores); carteira de habilitação; certificado de reservista; comprovante com nº. do PIS/PASEP; e comprovante de endereço.

A subsecretária de comunicação da prefeitura de Corumbá, Lucinéia Barreto, disse que os pagamentos suspensos são de servidores que não apresentaram os documentos até o dia 12 de março. A secretária garantiu que quando estes resolverem as pendências terão o pagamento liberado imediatamente.

Mega-Sena acumula de novo e prêmio estimado sobe para R$ 43,5 milhões
Mais uma vez a Mega-Sena ficou sem vencedor na faixa principal e, com isso, a premiação acumulou e pode chegar a R$ 43,5 milhões no próximo concurso,...
Mega-Sena pode pagar R$ 39 milhões no sorteio deste sábado
A Mega-Sena deste sábado (16), que está acumulada, pode pagar R$ 39 milhões para quem acertar os seis números. O concurso 1.997 ocorre às 20 horas, h...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions