A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 21 de Agosto de 2018

04/08/2010 07:52

Dois são indiciados por morte de jornaleiro em Dourados

Redação

A Polícia Civil concluiu o inquérito que investigou a morte do jornaleiro Edirceu de Oliveira, 42 anos, assassinado na madrugada de 4 de julho, em Dourados, cidade distante 233 quilômetros de Campo Grande. Os dois suspeitos foram indiciados pelo homicídio.

O delegado Humberto Perez de Lima, responsável pela investigação, indiciou Leandro Apolinário da Silva, 18 anos, conhecido como Correria.

Ele seria o autor dos disparos que mataram o jornaleiro e teve a prisão preventiva de 30 dias decretada pelo juiz Jairo Roberto de Quadros.

Leandro foi denunciado por homicídio qualificado.

Outro envolvido no caso, Roberto Rivelino Brunel Aguilera, 18 anos, foi indiciado porque contribuiu para o crime.

Edirceu foi morto com dois disparos na cabeça.

Ele saia de casa para entregar jornal quando foi assassinado no Jardim Água Boa, periferia de Dourados.

De acordo com o delegado Humberto Perez de Lima, com o fim das investigações a prisão temporária dois será transformada em preventiva.

Fútil - O jornaleiro foi morto porque não quis dar um cigarro a Leandro.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions