A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 22 de Setembro de 2018

15/11/2017 11:36

Funtrab quer empregar 150 pessoas em mutirão neste feriado

Ricardo Campos Jr. e MIriam Machado
Atendimentos da Funtrab neste feriado (Foto: André Bittar)Atendimentos da Funtrab neste feriado (Foto: André Bittar)

O mutirão da Funtrab (Fundação do Trabalho de Mato Grosso do Sul) oferece 150 vagas em Campo Grande e espera atender 200 pessoas nesta quarta-feira (15). Como a sede do órgão foi danificada por um incêndio, o atendimento está sendo feito em frente dela na Rua 13 de Maio, onde apenas uma das faixas da via está liberada para o trânsito de veículos.

Além da oferta de empregos, estão sendo feitas a entrega e emissão de carteiras de trabalho e certificados de cursos oferecidos no local. Equipes da Casa de Qualificação estão cadastrando os interessados para novas turmas de cabeleireiros, auxiliares administrativos, desenvolvimento pessoal e organização financeira, cada um com 26 vagas.

Quanto às oportunidades, o coordenador de trabalho Edson Bobadilha afirma que há vagas para retificador de motores de automóveis, atendente de balcão, balconista de açougue, atendente de telemarketing, pedreiro, lavador de roupas, operador de caixa, auxiliar de cobrança, analista de desenvolvimento de sistemas, encarregado de padaria, dentre outros.

O mutirão, segundo ele, também é feito em outros 30 municípios. No interior também estão sendo oferecidos outros serviços de graça, como corte de cabelo e manicure. Na Capital isso não foi possível pelos danos causados no incêndio, que inviabilizou espaço para isso.

Para tornar as atividades possíveis, o órgão conseguiu liberação do Executivo para que 2.500 servidores trabalhassem no feriado.

Letícia Lourdes de Souza Cruz, 24 anos, trabalhava como atendente de telemarketing e há 15 dias está desempregada. Ela está procurando vaga de vigilante, já que tem formação específica na área. “Sei que é um pouco difícil, porque não tem vagas para mulher, mas vou tentar. Quero sair daqui empregada”, disse ao Campo Grande News.

Ana Aparecida dos Santos Duarte, 20 anos, trabalhava em um mercado como auxiliar de caixa e saiu há 22 dias do emprego. “Estou procurando vaga de vendedora. Já entreguei currículo no Centro e vim aqui hoje pegar meu certificado do curso de auxiliar administrativo e aproveitei para procurar uma vaga”, afirma.

Os atendimentos terminam às 13h30. A partir de amanhã, o atendimento aos trabalhadores estará sendo feito na Funsat (Fundação Social do Trabalho de Campo Grande), que teve reforço dos servidores da Funtrab que não podem trabalhar no local pelos danos do incêndio.

Caged: sete setores apresentam alta no número de empregos
Apenas a Agricultura apresentou mais demissões do que contratações em agosto no resultado do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), di...
Uems divulga resultado de concurso para professores de várias áreas
A Uems (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) publicou edital com o resultado final do concurso público para professor de ensino superior em d...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions