A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 20 de Novembro de 2017

14/02/2012 09:17

Governo oferece vagas para projeto que combate violência contra mulher

Wendell Reis

O governo do Estado está oferecendo oito vagas para interessados em atuar no projeto “Penas Alternativas e Violência de Gênero: Sensibilização de Homens Autores de Violência Contra a Mulher”. Os contratados ficaram no cargo por um ano, prorrogável por mais um.

As vagas são para a cidade de Campo Grande. A carga horária para a função é de 40 horas semanais. Estão disponíveis duas vagas para Técnico de Monitoramento Psicossocial (Coordenador), com salário de R$ 2,5 mil. O interessado deve ser formado em Ciências Sociais, Direito, Psicologia ou em Serviço Social. É necessário especialização ou experiência na área de violência de gênero e em coordenação de equipes.

Os interessados nas quatro vagas do cargo de técnico de monitoramento psicossocial devem ser formados em Ciências Sociais, direito, psicologia ou serviço social. O salário é de R$ 1,8 mil. Também estão disponíveis duas vagas para técnico de avaliação psicossocial, com salário de R$ 1,5 mil. O candidato deve ser formado em ciências sociais, psicologia ou serviço social. O cargo exige experiência na área de violência de gênero.

O currículo deve ser apresentado datilografado ou digitado, assinado, sem rasuras, emendas ou entrelinhas, sob pena de indeferimento da inscrição, que deve ser entregue de 14 a 17 fevereiro de 2012, das 8h às 11h e das 13h às 16h30min na secretaria de Estado de Governo, localizada na avenida do Poeta, s/n, bloco VIII, no Parque dos Poderes.

Terminam dia 21 inscrições de processo seletivo para Fundação de Turismo
Acabam na próxima terça-feira (21) as inscrições de processo seletivo da Fundtur (Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul) para sete vagas. As opor...
Programa de residência médica recebe candidaturas até segunda-feira
Termina na próxima segunda-feira (20) o prazo de inscrições no programa de residência médica da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), qu...


UM CASO A SE PENSAR

“Gostaria de fazer uma espécie de "chamamento" para as Stas. ELIANE CAMPOS SOUSA E MARIA IZILDA CAMPOS SOUZA e MARIA IZILDA CAMPOS SOUZA da empresa Jusem localizada na Rua General Osório, 1212- 10 andar- Centro- Campinas-SP para que se retratem junto JUPIRA LUCAS ZUCCHETTI. Pois os emails enviados na tentativa de dialogar de forma pacifica, e pacifica mesmo foram ignorados.E o contato pessoal fui tratada com ironia. Portanto fica o registro e novamente a solicitação de RETRATAÇÃO”

Ou seja, esse tipo de comportamento de indiferença; o silêncio usado como forma de manipulação psicólogica já deveria ser considerado crime por si só. Pois, são esses tipo de atitudes que incitam a violência. Perceberam??!

 
JUPIRA LUCAS ZUCCHETTI em 05/04/2012 07:55:29
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions