A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

29/05/2013 12:11

Família convive há seis meses com mau cheiro e esgoto no quintal

Aliny Mary Dias
Adalgisa explica que o mau cheiro e a poça de esgoto está há seis meses no local (Foto: Marcos Ermínio)Adalgisa explica que o mau cheiro e a poça de esgoto está há seis meses no local (Foto: Marcos Ermínio)
Tubulação com problema fica em matagal de casa abandonada (Foto: Marcos Ermínio)Tubulação com problema fica em matagal de casa abandonada (Foto: Marcos Ermínio)

O problema em um encanamento no residencial Terra Nostra no bairro Mata do Jacinto causa transtornos para famílias há seis meses. O problema é o entupimento de um encanamento de uma casa abandonada que gerou uma poça de esgoto na residência da dona de casa Adalgisa Ferreira do Nacimento, de 57 anos.

A mulher explica que os problemas começaram há cerca de 6 meses quando o mau cheiro e o esgoto apareceram no local. A casa de Adalgisa fica na rua Hélio Porello e a residência abandonada na Rua Marquês de Herval, que faz fundos para a casa da Adalgisa.

“A gente começou a sentir esse cheiro ruim e formou essa poça aqui em casa. É uma situação horrível e já tentamos de tudo para resolver”, conta a dona de casa.

A primeira atitude tomada pela família foi procurar as casas da rua dos fundos para saber de onde veio o problema. Por ser imóvel de um residência da Caixa, a família procurou o banco que afirmou que a situação deveria ser resolvida pela mobiliária responsável.

Além da casa abandonada, outras duas residências também utilizam o cano que passa no quintal de Adalgisa. Segundo a dona de casa, a imobiliária notificou os moradores para que o problema fosse resolvido, mas os vizinhos afirmaram que o problema é nos fundos da casa abandonada, que faz fundos para a casa de Adalgisa.

A concessionária da rede de esgoto, Águas Guariroba, também foi ao local, mas o problema é no cano particular do residencial.

Além do mau cheiro e da poça de esgoto no quintal de casa, até o cachorro da família já foi afetado pelo problema. Sadan teve contato com a água e teve uma contaminação. “Chamamos o médico veterinário aqui e eu tive que gastar com remédios porque ele ficou bastante ruim, o veterinário disse que o problema foi o contato com a água contaminada”, relata a mulher.

Sônia Oliveira mora na casa ao lado da residência abandonada e confirma que já procurou a imobiliária, mas eles afirmaram que nenhum providência pode ser tomada. As famílias pretendem entrar na Justiça para que o responsável pelo problema resolva a situação.

“É muito complicado, a gente fica sem saber o que fazer porque eles ficam fazendo jogo de empurra”, completa a funcionária pública.

O Campo Grande News entrou em contato com a Imobiliária Logos, responsável pela casa, mas as ligações não foram atendidas até o fechamento desta reportagem.

Câmara de Vereadores entrega meio milhão de reais em emendas parlamentares
A Câmara Municipal de Costa Rica, a 305 quilômetros de Campo Grande, realiza nesta segunda-feira (dia 11) três sessões, duas delas especiais. Às 14h ...
Município de Itaporã comemora 64 anos de emancipação neste domingo
Conhecido como Cidade do Peixe, Itaporã, distante 227 km de Campo Grande, comemora 64 anos de emancipação neste domingo (10). A prefeitura municipal ...


A Logos Imobiliária tomou as providências cabíveis à ela, como administradora, que foi a notificação de todas as unidades envolvidas solicitando que os arrendatários que estivessem com ligação de esgoto irregular corrigissem o erro.
Recebemos a visita de dois dos arrendatários informando que não estão irregulares, sendo que a concessionária de água e esgoto da cidade "não" disponibilizou a rede de esgoto para aquela quadra ainda.
Enfatizamos que a casa abandonada não faz parte do programa de arrendamento, portanto a Imobiliária não pode intervir.
Nossos telefones estão ativos e em funcionamento de segunda a sexta em horário comercial.
Schleiden Baliza
Gerente
 
Schleiden Baliza em 29/05/2013 13:27:10
O CIDADÃO PAGA SEUS IMPOSTOS,SE VE DIANTE DE UMA SITUAÇAO DESSAS, E NINGEM DO PODER PUBLICO RESOLVE SEU PROBLEMA!! COMO DISSE A CIDADÃ SONIA ACIMA,ELES FICAM FAZENDO JOGO DE EMPURRA...NENHUM CIDADÃO É OBRIGADO A SENTIR CHEIRO E CONVIVER COM ESGOTO EM SUA RESIDENCIA...ISSO TE QUE SER RESOLVIDO...SENDO OU NAO SENDO PROBLEMA DA IMOBILIARIA OU DA CONCESSIONARIA!
 
RAFAEL ALVES em 29/05/2013 12:53:41
No minimo estranho. o que tem o encanamento do vizinho com o da residencia desta senhora? todo encanamento de cada casa é individual.
 
valter martins em 29/05/2013 12:49:05
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions