A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

14/12/2009 17:51

Golpista se passa por médico e dá prejuízo de R$ 800

Redação

Um golpista se passou por médico e deu prejuízo de R$ 800 a uma drogaria de Campo Grande, nesta segunda-feira.

O homem ligou para a drogaria, se identificou como médico da Maternidade Cândido Mariano, a qual tem convênio com o comércio, e pediu dois medicamentos no total de R$ 25, para serem cobrados e entregues no hospital.

Vinte minutos depois, o homem ligou novamente e pediu créditos para celular no valor total de R$ 200. O funcionário achou estranho e o homem disse que a Maternidade tinha convênio para inserção de R$ 2 mil.

De acordo com boletim de ocorrência, após inserir os créditos, o funcionário foi fazer a entrega. O golpista voltou a ligar e pediu mais R$ 700 em créditos para celular.

Quando era concluída a inserção da última recarga, o funcionário que foi fazer a entrega voltou e disse que ninguém havia pedido medicamentos nem créditos na Maternidade.

Segundo o registro policial, diante da situação, o homem foi questionado se ele era realmente o médico e este respondeu: "ih, você descobriu", e desligou o telefone.

Outra vítima -Também nesta segunda-feira, só que em Tacuru, a 424 quilômetros de Campo Grande, a proprietária de uma papelaria caiu em um golpe semelhante.

Um homem ligou para o comércio e se passou por policial militar e pediu os créditos. O prejuízo à comerciante foi de R$ 700.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions