A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

25/03/2008 14:04

Governo de SP cancela o leilão de venda da Cesp

Redação

Foi cancelado pelo governo do Estado de São Paulo o leilão para a venda da Cesp (Companhia Energética de São Paulo), que estava previsto para amanhã. A medida foi porque nenhum dos interessados pela compra da estatal apresentou garantias para participar do processo. O leilão é de alto interesse para as prefeituras de Mato Grosso do Sul que foram prejudicadas pela construção da usina de Porto Primavera - que fica na divisa de Mato Grosso do Sul com São Paulo - e que dizem ainda não ter sido ressarcidas pelas perdas.

O governador do Estado de São Paulo, José Serra (PSDB), argumentou que a crise nos mercados internacionais foi a principal responsável pelo cancelamento. "Era um financiamento muito alto. Em uma conjuntura internacional, do ponto de vista financeiro, não se encontra bancos dispostos a financiar. Não é fácil achar esse dinheiro no mercado", disse.

Serra afirmou ainda que o Estado não estava disposto a diminuir o valor da estatal. O governo de São Paulo receberia R$ 6,7 bilhões com o leilão, o equivalente a metade do valor real da empresa, que também tem como acionistas da iniciativa privada, dona da outra metade. Os interessados teriam de desembolsar mais R$ 5 bilhões para o pagamento de dívidas da empresa.

"O governo estipulou um piso [para vender a Cesp]. As pessoas queriam um valor menor, mas nós não vendemos na bacia das almas", afirmou Serra.

O governador afirmou ainda que o dinheiro do leilão seria destinado para investimentos no metrô, em trens e também em estradas. "Agora vamos estudar outras opções", disse. (Com informações da Folha On Line).

MEC deve homologar Base Comum Curricular na próxima quarta-feira
O Ministério da Educação informou que a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada hoje (15) pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), deve ser ...
Presos da penitenciária federal da Capital são julgados por crime em RN
Um preso custodiado no presídio federal de Campo Grande foi julgado, ao lado de outros três homens, na quinta-feira (14) e nessa sexta-feira (15) por...
Governo Federal reduz período do horário de verão para 2018/19
O presidente Michel Temer assinou hoje (15) um decreto reduzindo em duas semanas o horário de verão em 2018. No ano que vem, a medida começará a vale...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions