A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

07/11/2012 20:50

Grupo arrecada 8 t de alimentos e remédios para índios, mas não tem como levar

Nícholas Vasconcelos

Um grupo que começou no Facebook conseguiu arrecadar oito toneladas de alimentos e remédios para os índios Guarani-Kaiowá, e agora enfrenta a dificuldade para levar as doações até Iguatemi, a 466 quilômetros de Campo Grande.

Segundo o coordenador do Coletivo Terra Vermelha, Alan Brito, os alimentos e remédios foram reunidos em mais de 70 cidades e a expectativa é de que mais doações sejam recolhidas em um ato marcado para a próxima sexta-feira (9).

“Nós organizamos essa arrecadação e agora temos essa dificuldade de armazenamento e transporte”, contou. Ele afirma que a arrecadação surgiu de forma espontânea, com as pessoas se mobilizando através das informações dos índios da comunidade Pyelito Kue, em Iguatemi que chegavam pelo Cimi (Conselho Indigenista Missionário).

Alan comenta que a ideia é levar os alimentos até o interior do Estado para essa comunidade especifica, mas que é possível que sejam arrecadados alimentos para as outras aldeias e acampamentos indígenas.

“Nós procuramos a Força Aérea, a Defesa Civil e a Funai em Campo Grande, mas tivemos retorno”, contou. O objetivo do grupo é reunir os alimentos em dois sindicatos da Capital e a partir daí enviar até o interior.

Já para a próxima sexta-feira (9), há um ato contra o Genocídio do Povo Guarani-Kaiowá marcado para ter início às 8h, na praça Ary Coelho, centro de Campo Grande.



Isso é um absurdo SERÁ QUE O PODER PUBLICO, ESTADUAL, MUNICIPAL OU FEDERAL não tem uma viatura para levar esses alimentos.



NEI SALVIANO
 
nei salviano em 08/11/2012 07:30:47
olá amigo Alan vc teve uma brilhante e humama idéia . agora que tal pensar um umas empresas de transporte que também estejam disposta a participar deste ato de coragem e humanização. PARABÉNS PELO SEU ATO DE CORAGEM E AMOS AO PRÓXIMO
 
ely monteiro em 08/11/2012 07:09:36
A Defesa Civil e as Forças Armadas "fizeram pouco caso"? Não acredito.
 
Luis Fernando F. Silva em 07/11/2012 22:53:35
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions