A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 24 de Junho de 2017

13/05/2014 16:23

Adolescente furta e diz à polícia que “era para ser aceita em grupo de WhatsApp”

Mariana Lopes

Em Três Lagoas, uma adolescente de 15 anos foi flagrada furtando três cd’s em uma loja. Em depoimento à polícia, ela justificou o ato infracional alegando que queria fazer parte de um grupo do WhatsApp de alunos da escola onde estuda e a regra para ser membro deste grupo é conseguir furtar algum produto.

Apesar de o fato aparentemente incentivar adolescentes a cometerem atos infracionais, o delegado titular do 3º Distrito Policial de Três Lagoas, Orlando Vicente, garante que o furto com esta justificativa foi um caso isolado na cidade.

“Não tivemos nenhum outro registro de ocorrência deste tipo, a menina pode não estar dizendo a verdade, temos apenas a palavra dela”, pontua o delegado.

A garota é aluna da escola municipal Flausina de Assunção Marinho, que foi incendiada no final de abril. Segundo o delegado, a adolescente não revelou quem é o administrador deste grupo e responsável pelas regras para a inclusão de novos membros.

Ela foi ouvida na presença da mãe e liberada. Conforme informações do delegado Orlando Vicente, a Polícia Civil não irá ouvir outros alunos e nem a direção da escola. O caso foi encaminhado ao Ministério Público Estadual.

A polícia alerta a população três-lagoense a denunciar casos de infração envolvendo adolescentes. A denúncia é anônima e pode ser feitas através do número 190.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions