A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 19 de Outubro de 2017

14/03/2011 16:19

Arrendatário de motel e aliciador são presos em Ivinhema por exploração sexual

Paula Vitorino

Após investigações, a Polícia Civil prendeu um homem identificado como A.M.A. e um arrendatário de um motel do município de Ivinhema por exploração sexual de mulheres, sendo algumas menores de idade.

O Conselho Tutelar do município estava investigando denúncias sobre prostituição de menores, quando na tarde de sexta-feira (11) chegaram até A.M.A., que estava em um veículo junto com uma moça aparentando ser menor de idade.

O suspeito entrou no motel, mas no momento em que as conselheiras tentaram abordar o veículo foram impedidas por funcionários do local.

Depois da intervenção da polícia, as conselheiras identificaram um aliciador no quarto 11, que estaria levando uma garota de programa para um cliente em outro quarto.

Foram presos em flagrante o arrendatário do motel, junto com a garota de programa J., de 26 anos, e A.M.A.

Durante o testemunho, a garota explicou que o esquema envolvia um cliente que pagava R$ 150 e o aliciador, que ficava com R$ 80. As meninas recebiam R$ 70.

O aliciador morava no motel em um dos quartos e levava as garotas somente neste motel em comum acordo entre ele e o arrendatário.

Crime - De acordo com o site Ivinotícias, a ocorrência será enquadrada como crime de exploração sexual e favorecimento a prostituição e rufianismo (O crime de rufianismo consiste na prática do agente tirar proveito da prostituição alheia, participando diretamente de seus lucros ou fazendo-se sustentar por qualquer pessoa, homem ou mulher, que exerça a prostituição).

A Polícia Civil do município continua com investigações e fiscalizações em hotéis, motéis e pousadas para averiguar casos de exploração sexual com menores envolvidos. Sendo constatado o crime, o local é fechado e perde o alvará.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions