A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 26 de Agosto de 2019

21/08/2018 14:56

Com sinais de "traumas antigos", bebê internado passa por cirurgia

Laudo médico ainda não está finalizado, mas médico que cuida da criança

Liniker Ribeiro

Novos exames realizados no bebê de oito meses internado na UTI (Unidade de Tratamento Intensiva) Pediátrica do Hospital Universitário de Dourados - a 233 quilômetros da Capital - revelam que o paciente apresenta "traumas antigos" que também podem estar ligados a agressões. A Polícia Civil ainda investiga o caso para saber como o menino se machucou, mas a suspeita é de que os pais tenham provocado os ferimentos.

"Já ouvimos o pai, a avó, vizinhos e pessoas que ajudaram no socorro e a ideia é identificar se foi um acidente ou de fato agressão", afirmou o delegado responsável pelo caso, Anezio Rosa de Andrade. Segundo ele, em depoimento, o pai reafirmou que havia deixado o bebê sozinho no berço, por alguns instantes, enquanto preparava leite. Ao retornar para o cômodo, a criança havia caído e já estava desacordada.

Ainda de acordo com o pai, a mãe não estava em casa, pois havia saído para ir ao mercado. A mulher ainda não foi ouvida, pois acompanha o tratamento da criança no hospital, mas deve prestar depoimento ainda hoje na delegacia de Caarapó - cidade onde o caso aconteceu. Apesar das investigações, a polícia continua  com as apurações.

"É um caso bem delicado. Precisamos avaliar todas as possibilidades, tanto para garantir a integridade física da criança, quanto também para não culpar os pais sem ter convicção", afirma o delegado.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions