A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 24 de Março de 2017

25/06/2012 19:10

Famílias ribeirinhas continuam desabrigadas após cheia no rio Aquidauana

Viviane Oliveira
O prefeito Fauzi visitou as áreas alagadas na cidade. (Foto: divulgação)O prefeito Fauzi visitou as áreas alagadas na cidade. (Foto: divulgação)

Quatro famílias de Aquidauana ainda continuam desabrigadas por conta da maior cheia registrada neste ano. O rio Aquidauana marcou 8,14 metros no último domingo (24), quando o nível normal é de 2,3 metros, de acordo com a Defesa Civil do município.

“Já baixou 40 centímetros do rio, logo as famílias vão poder voltar para casa, disse o comandante da Defesa Civil, Major Quintana.

Desde sexta-feira (22) as famílias foram levadas para abrigos. O major frisa que a cheia nesse período é atípica, pois geralmente as chuvas atingem o rio durante o verão. Ano passado o nível do Aquidauana chegou a 10 metros.

Diversos pontos da cidade sofreram alagamentos, obrigando famílias de ribeirinhos a deixarem as casas e buscarem abrigos oferecido pela Prefeitura e Defesa Civil. Além disso, ruas, estradas vicinais e avenidas foram castigados.

O prefeito Fauzi Suleiman (PMDB) visitou os pontos mais críticos da cidade. Eles acompanharam a retirada de algumas famílias mais atingidas e colocou a quadra coberta da escola municipal Rotary Clube a disposição dos desabrigados.

Após atingir na última sexta-feira (22) o pico de 8,26m o rio Aquidauna começa a baixar. O nível normal do rio é de aproximadamente 3 metros.




A Eu Acho Que o Prefeito tem que arumar as ruas que a laga ex: fazer a decida das águas e bastantes boca de lobo e não jogar lixo nas ruas e cuidar do meio ambientes .
 
Michelly & Eduardo vinicios em 27/06/2012 07:55:17
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions