ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SEGUNDA  19    CAMPO GRANDE 30º

Interior

Fazendeiro é multado em R$ 50 mil por degradação de mata ciliar no Rio Salobra

Responsável também irá responder por crime ambiental, que tem pena de um a três anos de detenção

Por Aletheya Alves | 22/09/2020 14:46
Parte de mata ciliar no rio Salobra foi degradada em fazenda de Bodoquena. (Foto: Divulgação/PMA)
Parte de mata ciliar no rio Salobra foi degradada em fazenda de Bodoquena. (Foto: Divulgação/PMA)

Fazendeiro, de 69 anos, foi multado em R$ 50 mil por realizar obra que degradou mata ciliar do Rio Salobra, em Bodoquena - a 266 quilômetros de Campo Grande. Agentes da PMA (Polícia Militar Ambiental) realizaram vistoria na região durante esta segunda-feira (21).

Conforme divulgado pela PMA, foi verificada degradação em mata de proteção do rio, que é protegida por lei, em fazenda. Os policiais encontraram uma valeta de dreno já antiga, que ia até a margem do rio.

A obra foi realizada possivelmente para gados e sem licenciamento ambiental, sendo interditada. Identificado como engenheiro civil, o homem foi multado e teve o valor agravado já que a área é protegida por lei.

Além dos R$ 50 mil, o homem irá responder por crime ambiental, que tem pena de um a três anos de detenção. O engenheiro civil foi notificado a elaborar e apresentar um Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário