ACOMPANHE-NOS    
NOVEMBRO, SEXTA  27    CAMPO GRANDE 28º

Interior

Mulher é multada por criar porco do mato ilegalmente em sua residência

Conhecido como cateto, o bicho será encaminhado para o Centro de Reabilitação de Animais Silvestres

Por Aletheya Alves | 28/10/2020 15:21
Cateto foi resgatado e será encaminhado ao Cras em Campo Grande. (Foto: Divulgação/PMA)
Cateto foi resgatado e será encaminhado ao Cras em Campo Grande. (Foto: Divulgação/PMA)

Mulher, de 67 anos, foi denunciada anonimamente por criar um porco do mato, conhecido como cateto, em Antônio João - a 402 quilômetros de Campo Grande. No local, os policiais encontraram o animal silvestre e realizaram a apreensão.

Conforme divulgado pela PMA (Polícia Militar Ambiental), a mulher mantinha o cateto em cativeiro dentro de um chiqueiro em sua casa. Aos policiais, ela contou que tinha o animal desde filhote.

Por não possuir autorização e ser considerado crime ambiental, ela foi encaminhada para a delegacia de Polícia Civil da cidade, podendo pegar de seis meses até um ano de detenção. Além do encaminhamento, ela também foi multada em R$ 500 e irá responder administrativamente.

Após a apreensão, o cateto será encaminhado ao Cras (Centro de Reabilitação de Animais Silvestres) de Campo Grande.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário