A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

02/03/2016 07:35

Mulher procura polícia após médico de plantão se recusar a atendê-la

Renata Volpe Haddad

Uma mulher de 39 anos procurou ontem (1) a Polícia Civil de Cassilândia, distante 418 km de Campo Grande, após o médico da Santa Casa de Misericórdia se recusar a atendê-la sem nenhuma justificativa.

De acordo com informações do Boletim de Ocorrência, a mulher que chegou se sentindo mal ao hospital, estava com o esposo quando foi atendida pelo enfermeiro de plantão.

Foi aferida a pressão arterial, batimentos cardíacos e temperatura corporal e em seguida, o enfermeiro alegou que ela seria atendida pelo médico de plantão.

Após 20 minutos, o enfermeiro retornou dizendo que a paciente não seria atendida pelo médico sem dar nenhuma explicação.

Com mal estar, a mulher questionou o enfermeiro se o médico estaria se recusando a atendê-la e o profissional disse que sim, pois o médico afirmou que o estado da paciente não era emergencial e que ela poderia ficar sentada o quanto quisesse.

Indignada com a omissão, a mulher alegou que procuraria a polícia e o enfermeiro apoiou a atitude. O caso foi registrado como omissão de socorro e está sendo investigado pela Polícia Civil do município.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions