A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

19/09/2016 17:56

Quantia de dinheiro dentro de pneus de carreta chegou a R$ 1,2 milhão

Motorista da carreta foi levado para a Polícia Federal, que vai investigar origem do dinheiro apreendido hoje pela PRF

Helio de Freitas, de Dourados
Notas de 20, 50 e 100 reais estavam em quatro pneus de carreta (Foto: Divulgação/PRF)Notas de 20, 50 e 100 reais estavam em quatro pneus de carreta (Foto: Divulgação/PRF)

O montante em notas de 20, 50 e 100 reais encontradas nesta segunda-feira (19) pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) em quatro pneus de uma carreta em Dourados, a 233 km de Campo Grande, somou R$ 1.239.575. O dinheiro estava com o caminheiro Dionatan Rojas Pereira, 24.

A apreensão ocorreu na manhã de hoje na BR-163, saída para Campo Grande, quando os policiais abordaram a carreta Volvo FH 440 6X4, placa de Dourados.

Dionatan declarou que foi contratado para levar uma carga de açúcar até São Paulo e na volta, em uma das suas paradas em Campinas (SP), recebeu convite para trazer dinheiro dentro dos pneus da carreta.

Segundo a PRF, os policiais precisaram pedir ajuda de uma agência bancária da cidade para usar uma máquina de contar cédulas, tamanha a quantidade de dinheiro.

O motorista contou que o destino do dinheiro seria Campo Grande, embora tenha sido apreendido em Dourados, ou seja, fora da rota entre a origem e o destino alegado.

O condutor não soube dizer qual seria a origem e a finalidade dos valores apreendidos, apenas contou que foi contratado por R$ 5 mil para transportar o dinheiro.

Conforme legislação, o limite máximo para transporte de dinheiro em espécie é de R$ 10 mil. Acima deste valor, para efetuar o transporte, é preciso de autorização da Receita Federal.

O caminhoneiro, o dinheiro e a carreta foram levados para a delegacia da Polícia Federal em Dourados.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions