A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 20 de Novembro de 2017

09/05/2012 14:30

TJ/MS anula condenação e manda soltar homem preso erroneamente

Aline dos Santos

O TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) mandou soltar um homem preso erroneamente por roubo em Três Lagoas. Wilson Benitez Velasque pediu revisão criminal alegando que a pessoa que cometeu o delito utilizou uma cópia de sua certidão de nascimento.

Ele pediu a anulação da sentença condenatória e a exclusão de seu nome do rol dos culpados. A Procuradoria-Geral de Justiça opinou pelo deferimento do pedido.

O desembargador Francisco Gerardo de Sousa, relator do processo, aponta que a perícia datiloscópica concluiu que as impressões digitais de Wilson e do indivíduo preso anteriormente são diferentes.

“Demonstrado que as impressões digitais do requerente e da pessoa presa, processada e condenada são diferentes, e que não existem duas impressões idênticas, deve ser anulado o processo principal, excluindo o nome do ora requerente do rol dos culpados, expedindo o respectivo alvará de soltura. Ante o exposto, com o parecer, defiro o pedido de revisão criminal”, afirmou. A decisão foi da 2ª Seção Criminal.

Idoso tenta salvar esposa das mãos de bandido e acaba ferido a tiros
Um idoso de 86 anos ficou ferido depois de ser atingido por um disparo de arma de fogo durante uma tentativa de assalto, na tarde de ontem (19), em M...
Durante abordagem, passageiro de ônibus finge passar mal e foge
Passageiro de ônibus fingiu passar mal para fugir da polícia, neste domingo (19), deixando para trás mala com maconha e os próprios documentos em Dou...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions