A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 24 de Agosto de 2019

27/05/2019 23:30

Trio é preso após roubar malote com R$ 91,6 mil próximo de agência bancária

Somente dentro da cueca um dos suspeitos os policiais encontraram R$ 18 mil.

Adriano Fernandes
Da esquerda para direita, Edmar, Sidimar e Anderson. (Foto PC-MS/Divulgação) Da esquerda para direita, Edmar, Sidimar e Anderson. (Foto PC-MS/Divulgação)

Policiais do SIG (Setor de Investigações Gerais) da 1ª Delegacia de Polícia Civil, prenderam três bandidos que teriam roubado um malote de um posto de combustível com cerca de R$ 91,6 mil em Nova Andradina, cidade a 300 quilômetros de Campo Grande.

O douradense Anderson Goncalves Teles, de 34 anos, Sidimar Domingos Padoam, de 36 anos e Edmar de Almeida Barros, de 33 anos, ambos de Nova Andradina já eram monitorados pela Polícia Civil, por suspeitas de terem cometido outros roubos no município.

Segundo o Jornal da Nova, o gerente administrativo de um posto de combustíveis foi abordado pelo trio, pouco antes de entrar em uma agência do Sicredi, onde iria depositar o montante. Aos policiais a vítima disse que foi surpreendido por dois homens, um que anunciou o assalto - que estava com o capacete e um revólver - e o outro que pilotava uma motocicleta modelo Honda/CG. 

Após pegaram o malote eles fugiram sentido Bairro Horto Florestal, na cidade. O SIG foi acionado em seguida e por imagens de câmeras de segurança, conseguiram identificar Edmar de Almeida. Os agentes então foram até a casa do suspeito na Avenida Eurico Soares Andrade, no Bairro Horto Florestal, onde ele, Sidmar e outros dois comparsas foram flagrados enquanto iam em direção a um veículo Mercedes-Benz, de Edmar, que estava estacionado na rua.

Um dos suspeitos ainda conseguiu fugir, mas os outros três foram capturados. Somente dentro da cueca de Sidimar os policiais encontraram R$ 18 mil. Tanto ele quanto Edimar já eram suspeitos de outros dois roubos de malotes em dezembro de 2018 e outro no início deste ano.

Dentro do imóvel, também foi apreendida a motocicleta utilizada no assalto, malotes vazios com papéis da vítima e as roupas utilizadas no crime pelos criminosos. Os capacetes e uma espingarda de pressão calibre 22 de Edmar também foram apreendidos, mas a arma usada no crime não foi encontrada.

As laminas de cheque e parte do dinheiro roubado também não foram localizados. A suspeita é de que o dinheiro poderia estar com o suspeito que conseguiu fugir. Com o trio foi recuperado R$ 20.308,00.

Ainda segundo a polícia, Sidimar e o criminoso que fugiu da abordagem policial é quem teriam roubado a vítima. Em seguida eles foram direto para a casa de Edmar, que já os aguardava para ajudá-los a fugirem e dividirem o dinheiro.

O trio foi autuado em flagrante da 1ª DP (Delegacia de Polícia) da cidade, pelos crimes de associação criminosa, roubo majorado pelo concurso de pessoas e emprego e posse de arma de fogo e serão encaminhados ao presídio da cidade.

Dinheiro recuperado com os suspeitos. (Foto: Divulgação/Polícia Civil) Dinheiro recuperado com os suspeitos. (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions