A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

25/04/2010 08:31

Jogos reúnem quem deixou a aldeia, mas não as tradições

Redação

Nos V Jogos Indígenas Urbanos de Campo Grande a festa é para quem deixou as aldeias do Estado, mas tenta mostrar que as tradições continuam vivas.

Índios que vivem nas comunidades Marçal de Souza, Água Bonita e no Jardim Noroeste, se encontraram hoje no Parque Jacques da Luz, nas Moreninhas, para disputas de arco e flecha, cabo-de-guerra, lança, atletismo, futebol e vôlei, no feminino e masculino.

No ano passado, 4 vencedores nas modalidades tradicionais foram representar o Estado no jogos indígenas brasileiros, realizados no Pará. Neste ano, a competição nacional será no Rio de Janeiro.

Os jogos levam a sério o lema: importa é competir. No nacional, não há classificação, "Todo mundo ganha porque senão tem briga", conta o estudante Wilton de Souza, de 18 anos.

Ele competiu no Pará em 2009 e quer repetir a dose no Rio este ano, no arco e flecha. O rapaz confessa que não costuma treinar, mas se defende dizendo que é um dos poucos jovens que ao menos praticam o esporte como os antepassados.

"Quem é novo quer mais é jogar vôlei ou futebol, eu também jogo, mas não deixo de fazer o arco e flecha", diz o estudante, que vive com a família na aldeia urbana Água Bonita, na região do Nova Lima..

Os jogos seguem até às 17 horas deste domingo, com atletas das etnias terena, guarani, kinikinaw, kadiwéu e guató.

"Hoje é o dia que todo mundo se encontra. Depois, só daqui um ano", diz o coordenador dos jogos, Venâncio Mattos.

Antônia Mendes, de 32 anos, levou as duas filhas para assistirem ao desempenho do pai, Professor de língua terena, na escola Sulivan silvestre, no Tiradentes, hoje ele é atleta no cabo-de-guerra e no vôlei. "Dá trabalhado, é longe, tive de trazer o almoço pronto para as crianças, mas é divertido encontrar o nosso povo", comenta a terena.

Mega-Sena pode pagar R$ 39 milhões no sorteio deste sábado
A Mega-Sena deste sábado (16), que está acumulada, pode pagar R$ 39 milhões para quem acertar os seis números. O concurso 1.997 ocorre às 20 horas, h...
MEC deve homologar Base Comum Curricular na próxima quarta-feira
O Ministério da Educação informou que a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada hoje (15) pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), deve ser ...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions