A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

20/08/2013 11:20

Jovem agredido por seguranças do Extra possui extensa ficha por furto

Graziela Rezende
Jovem fez queixa por lesão corporal dolosa. Foto: Graziela RezendeJovem fez queixa por lesão corporal dolosa. Foto: Graziela Rezende

O tapeceiro Paulo Henrique Leiva Ferreira, 26 anos, agredido há quatro dias por seguranças do hipermercado Extra, possui extensa ficha criminal por furto e é “velho” conhecido da Polícia. Assim que ele registrou queixa, funcionários também compareceram a delegacia e informaram que ele estava com a “calça cheia de produtos, sendo que fez a compra da bolacha apenas para disfarçar a tentativa de furto”.

Na ocasião, o chefe da segurança teria dito informalmente a polícia que o jovem ainda jogou o carrinho de compra em diversos clientes e carros, além de ferir a mão de um dos trabalhadores e falar diversos palavrões. Ao contrário, a sua versão é de que foi vítima de preconceito e que entrou no local apenas para comprar um pacote de bolachas, apresentando a nota fiscal.

O caso, a princípio registrado como lesão corporal dolosa, está sendo investigado pela polícia. “Danoninho”, como Paulo é conhecido, já realizou exame de corpo de delito. A polícia também aguarda a presença de funcionários para prestar depoimento.

Em nota, o hipermercado disse “que repudia qualquer ato de violência ou discriminatório e informa que suas ações são sempre pautadas no respeito à integridade. A rede permanece à disposição e colaborando com as investigações dos órgãos competentes”.



Sr. Roberto Ferreira, até agora, fiquei aguardando o desenrolar dos fatos. Não me retratei precipitadamente para não cometer erros.... Jamais concordaria com a atitude adotada pelos fiscais, mesmo sob agressão verbal e física por parte deste que como podemos ver, não é uma criancinha indefessa, e sim uma pessoa perigosa socialmente. Espero que jamais o Sr. venha ser importunado no berço de seus negócios ou mesmo no berço de sua sagrada família por elementos assim. Ele é um ser humano, infelizmente necessita sim de cuidados médicos (psicológicos), e não de truculência em momento algum, nem pela iniciativa privada ou mesmo pela pública (polícia). Se tratarmos tais situações com violência, teremos mais violência como resposta. Que Deus te proteja de pessoas desta índole.
 
Joel Santiago Júnior em 20/08/2013 21:18:54
antes achei que ele era inocente.....agora eu vi que quando vimos qualquer noticia temos que esperar 24 horas pra concretização da mesma eu hein!
 
nanci reis em 20/08/2013 19:52:09
Na verdade a sociedade e principalmente os comerciantes já não aguentam mais, tantos vagabundos,roubando e furtando, usando de violencia, até mesmo matando a suas vitimas. Mas o que não da para entender é que acha alguem que ainda vem em público denfender esses tipos, dizendo que os mesmos são seres humanos e que tem dignidade.Se furtar supermercado, ter extença ficha criminal é ter dignidade, eu acho que aprendi tudo errado. Ter dignidade é trabalhar,se sustentar,não subtrair coisa alheia etc.
 
porfirio vilela em 20/08/2013 15:31:54
Roberto Ferreira, então leve-o para sua casa!!!
 
João da Silva em 20/08/2013 14:29:25
Agora a história mudou de figura, eu como outros q comentaram, comentamos em cima de uma matéria em que o rapaz foi humilhado, empurrado por segurança teve a bolacha pisoteada etc...se tem alguém que tem que se retrata ADRIANO é esse camarada, por que se for verdade, ele tentou forjar uma situação!!!!!!
 
cristina gomes em 20/08/2013 13:52:05
Sr Roberto, respeito o seu depoimento, acho correto perante a lei. Só que eu nunca vi um ladrão ao cer interceptado não tentar reagir e se fazer de vítima, e se neste momento o segurança ou policial ajoelhar e começar orar provavelmente será tombado em serviço. No brasil temos toda uma sociedade especialista em segurança mas nunca prendeu ninguém, nunca andaram numa viatura e só participaram de forma ativa quando foram coagido por bandidos.
 
jorge ferreira em 20/08/2013 13:46:06
Um erro não justifica o outro.
 
Rodrigo Cunha em 20/08/2013 13:26:33
Coitadinho heim.....desejo uma abraço de tamanduá pra ele.
 
Ado Filho em 20/08/2013 13:04:12
Parabens aos funcionarios do mercado e parabens ao DOF que limpou 5 marginais ontem na regiao de Nova Andradina, ladroes de camioneta, quem rouba sabe que pode ter consequencias, apanhar , ir preso ou morrer, cada um escolhe a vida que quer levar, esse levou sorte e so levou um peteleco e vai continuar vivo roubando de mais pessoas, cacete neles.
 
odair rosa em 20/08/2013 12:46:24
Leve ele pra sua casa, senhor Roberto ferreira
 
roberto benites em 20/08/2013 12:29:43
Eu acho que o Roberto Ferreira está errado! Como uma pessoal que não respaita a dignidade do proximo quer ter respeito a sua? O mesmo tem "várias" passagens políciais por furto e roubo(não é uma!), isso por si só já se caracteriza que o mesmo não errou no primeiro crime e que não tem intenção de abandonar o crime, pois ja teve sua chance na primeira prisão e continuou no crime. Ele poderia fazer baixar o espirito santo que mesmo assim o seu passado o condenaria pelo simples fato de com o erro cometido continuar no mesmo. Cabe ao Extra processar criminalmente o mesmo por difamação e a polícia por falsa alegação de crime!
 
Alexandre de Souza em 20/08/2013 12:24:12
Não há do que se retratar, Adriano.. O rapaz pode ter praticado 1.000.000 de furtos anteriores, pode ter cumprido 1.000 anos de prisão que, ainda assim, é ser humano, tem dignidade e não pode ficar a mercê da truculência de quem quer que seja, muito menos de funcionários de empresa privada. Se nem ao Estado - no que está correto - se admite, modernamente, qualquer punição que atinge diretamente a integridade física das pessoas, quem dirá a uma empresa privada...! Se o rapaz furtou, que fosse detido e, com o acionamento da polícia, levado à Delegacia de Polícia. Se ele furtou e foi espancado, que a ação da polícia, então, passe a cuidar de dois delitos: o de furto e o de lesão corporal.
 
Roberto Ferreira em 20/08/2013 11:47:14
Espero que as pessoas que apressadamente criticaram os seguranças, julgando-os em comentários anteriores, ao menos se retratem agora...
 
Adriano Roberto dos Santos em 20/08/2013 11:30:25
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions