A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 16 de Janeiro de 2018

07/08/2008 06:56

Jovem escapa de 15 tiros, mas recebe juramento de morte

Redação

Márcio Pavão de Brito, de 21 anos, passou ontem por uma experiência de sorte, ou, de milagre e sobreviveu para contar a história.

De acordo com o boletim de ocorrência, registrado por ele mesmo, por volta das 21h30 de ontem Márcio estava com mais dois amigos em frente à casa dele, na Rua Colômbia, no bairro Parque das Nações I, em Dourados, quando foi abordado por dois homens, conhecidos como Rogerinho e Careca.

O jovem conta que viu uma pistola na mão de Rogerinho que disparou por várias vezes contra eles, mas nenhum projétil atingiu as vítimas que pularam o muro para se protegerem.

Ao perceber que a vítima tinha conseguido escapar, os acusados abordaram a mãe de Márcio, Matilde Aparecida Pavão de Brito, e disseram "vamos matar seu filho, é uma questão de tempo".

O muro da casa de Matilde foi cravejado com pelo menos 15 projéteis. A polícia investiga o caso, mas ainda não sabe o que teria motivado a tentativa de homicídio. Os acusados estão foragidos.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions