A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 14 de Dezembro de 2018

13/12/2008 08:59

Juiz dá prazo para índios deixarem área em Rio Brilhante

Redação

O juiz federal Fábio Muzel, de Dourados, deu prazo até o dia 10 de janeiro para que índios guarani-kaiowá deixem a fazenda Santo Antonio da Nova Esperança, em Rio Brilhante.

Quase 200 famílias de aldeia de Douradina estão na propriedade desde fevereiro deste ano e reivindicam a área como território tradicional indígena. O mandado de reintegração já havia sido expedido e nesta semana o sindicato rural do município solicitou apoio à Secretaria de produção para que fosse agilizada a desocupação.

O juiz determina à Polícia Federal de Dourados tranqüilidade no processo de retirada. No despacho solicita "uso moderado" da força policial para a desocupação da área.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions