A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 17 de Outubro de 2019

22/10/2009 17:24

Juíza acusada de improbidade ficará afastada até janeiro

Redação

O presidente do TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), desembargador Elpídio Helvécio Chaves Martins, prorrogou por mais três meses o afastamento da juíza titular da Comarca de Anaurilândia, Margarida Elisabeth Weiler. Ela está afastada das funções desde fevereiro deste ano.

Conforme a portaria , a decisão do Tribunal Pleno é pela prorrogação do afastamento preventivo de 26 de outubro deste ano até 21 de janeiro de 2010. O despacho está publicado na edição do Diário Oficial da Justiça desta sexta-feira.

Margarida responde a processo administrativo e poderá ser afastada definitivamente das funções por meio de exoneração ou aposentadoria compulsória.

O processo contra a magistrada corre em segredo de Justiça. Por isso, não se sabe os motivos reais do afastamento. No entanto, em novembro do ano passado, ela foi condenada por improbidade administrativa pelo juiz de Caarapó, Fernando Cury.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions