A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

04/12/2014 10:56

Kits atrasam e 32 pacientes aguardam exames da chikungunya em MS

Filipe Prado
O número de pacientes esperando para resultados dos testes da doença empacou mesmo com biomédica no Estado (Foto: Marcelo Calazans)O número de pacientes esperando para resultados dos testes da doença "empacou" mesmo com biomédica no Estado (Foto: Marcelo Calazans)

O número de pacientes que estão esperando a confirmação da febre chikungunya - doença nova e que pode manter a pessoa com os sintomas semelhantes aos da dengue por até três anos - está aumentando em Mato Grosso do Sul. No primeiro boletim, divulgado em novembro, a fila de espera era de 31 pessoas, ficando praticamente estável em dezembro, com 32 pacientes aguardando resultado. O Estado possui uma biomédica para realizar os exames, mas precisa esperar a chegada de kits do Ministério da Saúde.

Segundo a diretora em vigilância da SES (Secretaria de Estado de Saúde), Bernadete Lewandowski, os exames são realizados no Instituto Evandro Chagas, em Belém (PA), onde outros Estados mandam as amostras para a confirmação da doença. “Ligamos quase todos os dias, mas não depende da gente”, admitiu.

A diretora explicou que o instituto realiza os exames mais de uma vez, para relatar com precisão a doença do paciente, por isso o processo é demorado. “Eles só divulgam quando tem certeza”, assegurou.

Ela afirmou que a SES já possui uma biomédica apta para realizar os exames em Mato Grosso do Sul, porém o Ministério da Saúde não enviou os kits necessários para realizar os testes. “Não posso prever um prazo para a chegada dos kits”.

Segundo o 3º boletim da chikungunya, foram 42 notificadas no Estado, sendo 27 em Campo Grande. Até agora somente houve uma confirmação da doença, na Capital, e oito pacientes tiveram testes negativos em relação à doença.

Bernardete alertou para os casos de chikungunya no período de chuvas, já que o mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, é o vetor da doença.

Saúde registrou 38 notificações da febre chikungunya e 1 caso confirmado
A SES(Secretária de Saúde do Estado de Mato Grosso do Sul) registrou 38 notificações da febre chikungunya e um caso confirmado até ontem (26). No ent...
UFGD oferece vagas em 36 cursos de graduação pelo Sisu
A UFGD (Universidade da Grande Dourados) está ofertando 944 vagas em 36 cursos de graduação para o Sisu (Sistema de Seleção Unificada). As inscrições...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions