A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

13/01/2010 09:21

Militares do MS saem ilesos de terremoto no Haiti

Redação

O CMO (Comando Militar do Oeste) informou que todos os militares do MS que fazem parte da missão de paz no Haiti estão bem e não ficaram feridos durante terremoto que atingiu a capital do pais, Porto Príncipe, na noite de ontem.

De acordo com o CMO, há 28 militares do Estado no Haiti. Oito são de Aquidauana, 16 de Jardim e 3 de Campo Grande. Há também um militar de Cuiabá, já que o Mato Grosso também integra o CMO.

Os militares entraram em contato com suas famílias e avisaram que passam bem. O regresso desta guarnição seria na próxima terça-feira, mas o Ministério da Defesa disse que a situação mudou.

Não foi decidido se o retorno será antecipado, com uma nova tropa a ser enviada imediatamente para substituí-los ou se irão esperar até o dia 19.

O Ministro da Defesa, Nelson Jobim, embarca hoje para o Haiti. O presidente Lula autorizou o envio de recursos e apoio ao país.

Uma das vítimas do tremor foi a fundadora e coordenadora da Pastoral da Criança e da Pastoral da Pessoa Idosa, Zilda Arns, que já foi indicada para receber o Nobel da Paz, como representante do Brasil.

No terremoto, além de Zilda Arns, morreram pelo menos quatro militares brasileiros que servem na força de paz da ONU no país caribenho, informou o Exército nesta quarta-feira ao UOL Notícias.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions