A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 23 de Novembro de 2017

25/06/2009 08:51

Moradores do Tiradentes pedem redutor de velocidade

Redação

A Avenida Marques de Pombal, principal via do Bairro Tiradentes, em Campo Grande, reclamam do abuso de motoristas e pedem redutor de velocidade na via, que constantemente é palco de acidentes com vítimas.

O abuso, segundo a moradora Maria de Lurdes Crispim dos Santos, de 44 anos, é visto até entre ciclistas que utilizam à avenida. Morando a 17 anos no prolongamento da Marques de Pombal, ela acredita que a falta de sinalização em toda a extensão da avenida incentiva os usuários a cometerem as imprudências.

Maria de Lurdes diz ter perdido as contas de quantos acidentes já presenciou ali. Na avaliação dela, fazer instalações de lombadas eletrônicas em pelo menos dois trechos da via resolveria o problema.

"Eu trabalho no Asilo São João Bosco e lá aconteciam muitos acidentes. Depois que colocaram a lombada em frente ao posto de saúde reduziu bastante o abuso de velocidade dos motoristas", opina, dizendo que o maior problema ocorre por volta das 7h e 17h.

Aldeia Urbana - O terena Daniel de Almeida, de 65 anos, mora na esquina do trecho apontado como um dos mais perigosos do perímetro, na curva que liga o Bairro Arnaldo Estevão de Figueiredo ao Tiradentes.

Ele conta que vários carros já invadiram o quintal de sua casa e só não chegou a atingir a residência porque o terreno é um pouco mais elevado que a via. "Já presenciei muitos acidentes aqui, alguns com morte", lembra o indígena que diz ter se cansado de procurar as lideranças para pedir que solicitado redutores de velocidade.

"Minha principal preocupação é com as crianças. A gente não quer ver um neto e o filho de vizinho sendo morto atropelado".

Walker Souza, de 36 anos, conta que mora há 20 anos, na avenida e que desde que foi asfaltada a via, há 9, os moradores pedem redutores de velocidade. A casa onde mora não possui muro, o que na avaliação dele, a proteção não evita que acidentes.

O morador conta que na casa em frente a dele, um carro desgovernado invadiu a casa do vizinho. "Que proteção que se tem?", questiona ele reforçando que amigos se reuniam na frente da casa onde ocorreu o acidente para tomar tereré e por pouco não terminou em uma tragédia.

Fatal - No dia 8 de março deste ano, ua menina de 10 anos sofreu traumatismo craniano após ser atropelada por um veículo na avenida.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions