A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

15/07/2013 16:53

MPE oficializa desistência de gasto de R$ 74,2 mil com lanches

Nadyenka Castro

O MPE (Ministério Público Estadual) oficializou, na edição desta segunda-feira do Diário Oficial, a suspensão da compra de R$ 74.262,50 em lanches. O órgão suspendeu a licitação motivado, em parte, pela revolta após a divulgação dos gastos com o café da manhã. O pregão presencial estava marcado para o dia 18 de julho, às 14 horas, nas dependências da Procuradoria-Geral de Justiça, no Jardim Veraneio, em Campo Grande.

A licitação consistiria na contratação de empresa especializada no fornecimento de alimentação (lanches diversos e bebidas), para atender às necessidades do Ministério Público Estadual, pelo período de 12 meses.

Seriam cinco tipos de lanches e os preços orçados são os seguintes: tipo I, contendo 400 ml de bebida, dois salgados de tamanho médio, 250g de torta salgada e 150g de sobremesa, por R$ 26,96 cada uma das 450 unidades, no valor total de R$ 12.132,00; tipo II, com 400 ml de bebida, oito salgados tamanho coquetel, quatro doces e 150 g de bolo ou torta doce, com valor estimado de R$ 23,47 para cada um dos 350 kits, somando R$ 8.214,50; tipo III, que inclui 400 ml de bebida, 120g de frios, 40g de patê (no mínimo três tipos), oito pães, cinco torradas e quatro unidades de doces, sendo 350 unidades ao custo de R$ 31,94 cada, totalizando R$ 11.179,00; tipo IV, no valor total de R$ 30.006,00, sendo 900 lanches ao valor individual de R$ 33,34, que inclui 400 ml de bebida, três salgados de tamanho médio, dois sanduíches ou quatro mini sanduíches e 150g de sobremesa (normal ou diet); tipo V, com 400 ml de bebida, 45g de biscoito (no mínimo três tipos), dois sanduíches ou quatro mini sanduíches, 150g de bolo ou torta doce, sendo 350 kits ao custo unitário de R$ 25,73 e totalizadno R$ 8.655,50; e, por fim, o tipo VI, que custa R$ 10,65 a unidade e inclui 180 ml de iogurte, 100g de polpa de fruta para suco e 200g de fruta, perfazendo total de R$ 3.727,50, já que são 350 kits.

Há em andamento contrato de R$ 186.405,00 em fornecimento de lanches. O MPE alega que os alimentos atendem ao consumo estimado e anual de aproximadamente 208 membros (Promotores e Procuradores de Justiça) e 1.632 servidores no geral, pessoas estas que trabalham nas unidades do Ministério Público localizadas nas 54 comarcas do Estado de Mato Grosso do Sul, que atendem a 79 municípios.



o mpe perdeu noçao das coisas. o SALARIO deste povo é o melhor do brasil,fora os alugueis que nos pagamos para eles, agora vamos pagar os LANCHINHOS DOS BELEZAS.
pense os sr nos brasileiros que não tem paõ para dar aos seus filhos diariamente.DE PELO MENOS UM EXEMPLO PARA OS POLITICOS.
 
ademarfaria em 15/07/2013 18:09:34
As pessoas perdem a vergonha na cara, ou não a tem, por coisas tão banais. Esses marajás, ou seriam salafrários mesmo, não tem estatura intelectual para ver a senvergonhice dese tipo de coisa? Se não fosse a imprensa....
 
adelar francisco taffarel em 15/07/2013 17:24:53
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions