A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

11/01/2008 16:23

Mullher que passou férias em MS não tem febre amarela

Redação

A suspeita de contaminação por uma mulher que passou férias em Dourados, distante 221 quilômetros de Campo Grande, colocou em alerta o sistema de saúde de Maringá (PR). Este foi o segundo caso de suspeita da doença naquela cidade, mas foi descartado pela Santa Casa de Maringá.

Segundo os jornais paranaenses, Ednice Modesto Silva, 51 anos, chegou a Maringá na terça-feira, dia 8, e passou mal. Os exames concluíram, porém, que ela estava com gastrointerite, o que descartou a febre amarela. Exames completos devem ser divulgados em 20 dias.

Esta semana um homem morreu, também com suspeita da doença na cidade. Em nota, a Secretaria de Saúde do Paraná descartou a febre amarela, cujo último caso foi registrado em 1942.

STF tem maioria a favor de delação negociada pela Polícia Federal
O Supremo Tribunal Federal (STF) formou hoje (13) maioria para manter a autorização legal para que a Polícia Federal (PF) possa negociar delações pre...
UFGD oferece vagas em 36 cursos de graduação pelo Sisu
A UFGD (Universidade da Grande Dourados) está ofertando 944 vagas em 36 cursos de graduação para o Sisu (Sistema de Seleção Unificada). As inscrições...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions