A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

26/10/2013 12:09

Ônibus quebra e 20 estudantes chegam atrasados para prova

Edivaldo Bitencourt e Filipe Prado
Alunos se desesperam com o fechamento dos portões na Uniderp (Foto: Pedro Peralta)Alunos se desesperam com o fechamento dos portões na Uniderp (Foto: Pedro Peralta)

Um ônibus do Consórcio Guaicurus, do transporte coletivo de Campo Grande, quebrou e cerca de 20 estudantes perderam as provas do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). O estudante Erice Navarro, 18 anos, perdeu um ano de estudos em decorrência do problema.

Bastante revoltado e chateado, o jovem contou que saiu de casa com duas horas de antecedência. No entanto, os problemas começaram no Terminal Bandeirantes, onde o veículo atrasou.

Logo após pegar o ônibus, o veículo quebrou no caminho e a empresa enviou um ônibus especialmente para levar os estudantes que iam fazer o Enem hoje. Cerca de 20 pessoas estavam no veículo. No entanto, mesmo assim, elas só chegaram após o fechamento dos portões.

Erice se revoltou por ter perdido prova porque o ônibus quebrou (Foto: Pedro Peralta)Erice se revoltou por ter perdido prova porque o ônibus quebrou (Foto: Pedro Peralta)

“Preparei-me o ano todo”, revoltou-se Erice, que lamentou a falta de fiscalização para solucionar o problema. Ele reside no Bairro Santa Emília e sonha com a faculdade de Direito. Ele anunciou que vai processar a prefeitura por ter prejuízos com a pane no transporte coletivo.

Já a estudante Fernanda da Costa, 25, tentava fazer as provas para concluir o ensino médio. Ela contou que não conseguiu ser liberada do emprego antes das 11h para chegar no horário. “Estou arrasada”, comentou.

Outra estudante, Evelin, 19, que não quis se identificar com o sobrenome, contou que tentou sair cedo do serviço, mas não conseguiu. Ela disse que mora muito longe e não deu tempo de chegar às 12h à Uniderp Anhanguera, onde faria as provas. Ela quer tentar uma vaga no curso de Psicologia.



Gente ao senhor Geraldo Garcia Antero , só lhe respondo o seguinte a respeito do seu comentário infame tenho uma resposta, sai de casa com duas horas de antecedência deixando tempo de sobra para chegar, e para fazer esse calculo de tempo me entei nos horários dos ônibus disponibilizados no site da Assetur, agr as demais pessoas interessadas gostaria de informar que o desrespeito com os estudantes campo-grandenses não foi só no dia 26, isso ja se estende ha muito tempo ta na hora da população tomar um atitude assim como foi feita nas manifestações ocorridas nesse ano, pois esta parece ser a unica maneira de que os politicos e representantes ouçam de fato nossos pedidos e cumpram nossos direitos!
 
Erice Navarros em 28/10/2013 22:10:29
Concordo plenamente que o transporte público não funciona direito em Campo Grande, alias em TODO o Brasil, Mas temos que ver esse moço que quer fazer Direito e se atrasou. Pensa, ele depois de formado e chegar atrasado em uma audiência por culpa do transporte público, seu cliente perde a causa e como fica? Que sirva de lição para ele e no próximo ENEM ele saia de casa mais cedo porque incidentes acontecem e você tem que estar preparado para isso. Se a pessoa chega atrasado em um evento de tamanha importância como esse, com certeza ele já deve ter chegado em outro também. Pense nisso.
 
Geraldo Garcia Antero em 27/10/2013 14:07:01
O que o Bernal tem haver com o Onibus? Pelo que eu sei ele não é mecânico, nem motorista... e a empresa responsável é a guaicurus e se não me engano uma das donas é a Sr(a) Marisa Serrano.. uma pena os jovens perderem a prova do Enem por ter estragado o transporte.. bom cabe aos participantes entrarem com uma ação conjunta por danos morais..
 
Antonio ferreira em 27/10/2013 12:44:40
se não me engano se o funcionário for fazer Enem ele tem direito a folga no dia. de acordo com o Art. 473 da CLT, inciso VII, O empregado poderá deixar de comparecer ao serviço sem prejuízo do salário:
nos dias em que estiver comprovadamente realizando provas de exame vestibular para ingresso em estabelecimento de ensino superior. (Inciso incluído pela Lei nº 9.471, de 14.7.1997)
 
Jhony Felipe em 27/10/2013 07:54:16
De certo que a culpa é do Bernal de estragar o onibus...
Programe-se mais cedo, imprevistos acontecem... agora se você tivesse ido de carro e estragasse seu carro, você iria processar a fabricante ou ia procurar alguem para colocar a culpa??
 
Joao Neto em 27/10/2013 00:59:54
Brincadeira!!!!! um evento importante como o enem e não houve planejamento no transporte publico?????????????? revoltante
 
ingrid vianna em 27/10/2013 00:50:59
Aos jovens estudantes que perderam a prova do Enem em virtude de quebra de ônibus: primeiro, fica o aprendizado para os próximos exames; segundo, processem a empresa de ônibus ela é responsável.
 
Jose Alfredo de Melo em 26/10/2013 18:59:53
como veem os ônibus estão em "ótimo estado" tem melhorado muito ....será?
 
samuel vosni em 26/10/2013 17:04:07
Realmente é triste a situação desse pessoal.
Não sei se adianta processar a prefeitura, mas.....
No caso das empresas que não liberaram os candidatos... foi falta de bom senso.
 
ORLANDO SANTOS em 26/10/2013 16:49:49
eu concordo tem q fazer alguma coisa, eu duvido q o Bernal anda de onibus, é horrivel, eles atrasam mt, e um dia em plena 14 em frente a pernambucanas um ônibus simplesmente afogou e nao funcionava, obs estava lotado parou todo o transito, isso é muita falta de respeito com os campo grandenses , todo mundo paga imposto, paga o passe, se vc sai de carro vc paga pra estacionar, pra acontecer esse tipo de coisa?
 
annyara frança em 26/10/2013 16:09:13
EU ANICARLY CASTRO TAMBÉM ESTAVA LA O ONIBUS DO TERMINAL BANDEIRANTES ATRASOU MUITO,MENTIRAM QUANDO DISSERAM ONTEM NO JORNAL QUE TERIA REFORÇOS NOS ÔNIBUS,ISSO NUNCA TINHA ACONTECIDO COMIGO,OBRIGADA.
 
ANICARLY CASTRO em 26/10/2013 15:03:43
Mandado de segurança ou alguma ação parecida. Não podem ser prejudicados por fatos de terceiros.
 
Fátima Maria Ribeiro Dos Santos em 26/10/2013 14:15:28
Solução para o pessoal que mora longe é sair mais cedo de casa; ter feito o percurso de ônibus para ver quanto tempo levaria no dia da prova. Na minha época eu sai de casa com 3 horas de antecedência e acredite, o ônibus também quebrou, eu cheguei 10 minutos antes da prova. É questão do povo se programar melhor. Quem perdeu um ano de estudo, agora perdeu literalmente o ano, a prova está perdida. Mas o problema de quebra de ônibus não é de agora, temos de solucionar esse problema pois a população está chorando e nossos governantes sorrindo.
 
Guilherme Mello em 26/10/2013 13:22:52
É isso ai, com a chegada desse Consórcio Guaicurus toda a população de Campo Grande foi prejudicada, pois na mídia eles dizem que adquiriram vários ônibus novos, e o que circula diariamente é ônibus de péssima qualidade, saindo diretamente do ferro velho, são fédicos, enferrujados, sem manutenção. E quando os usuários fazem reclamação para o Consórcio eles respondem que o problema é com a Agetran e assim vice e versa ....
 
Valdelice Carvalho em 26/10/2013 13:11:46
TEM QUE PROCESSAR ESSA EMPRESA DE ÔNIBUS E AS MENINAS QUE NAO CONSEGUIRAM CHEGAR A TEMPO POR CONTA DESSES PATROES NAZISTAS TEM QUE PROCESSAR ELES TAMBÉM, ISSO NÃO SE FAZ COM QUEM QUER TER UM FUTURO MELHOR!!!! INDIGNADA MUITO MESMO!!!!!
 
MariaJoaquinaMedsen! em 26/10/2013 13:02:20
Que vergonha! Qdo aqui chegamos era preciso dormir na fila para pegar vaga para o Médio. Será que para fazer o ENEM será preciso dormir no portão também?
 
Neuci Augusta Fonseca em 26/10/2013 12:51:19
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions