A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

16/10/2008 18:15

Pecuaristas dizem que Normativa prejudica comércio

Redação

Os pecuaristas mostraram seu descontentamento com a Instrução Normativa (IN) n.º44, que antecipa a data para a vacinação de gado contra a febre aftosa. Para eles o comércio de gado fica comprometido nos primeiros dias de vacinação, pois, segundo a IN a imunização anterior, para fins de transito, perde seu efeito o primeiro dia da nova campanha de vacinação.

Na manha de hoje, produtores se reuniram com a secretária Tereza Cristina Corrêa da Costa Dias (Seprotur), para discutirem as mudanças trazidas pela IN.

Segundo os produtores, empresas leiloeiras, exposições e produtores rurais que praticam atividade de cria, recria e engorda, são os mais prejudicados com a medida.   

Conforme a secretária, o Estado entende o problema da classe produtora e irá discutir com o Ministério da Agricultura a viabilidade de ajustes na Instrução Normativa 44 respeitando os aspectos técnicos desta normativa.

AL

Indenizações por morte no trânsito crescem 24% em relação a 2016
O número de indenizações pagas pelo Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (Seguro Dpvat) entre janeiro e novemb...
ANS regulamenta novas regras de compartilhamento para planos de saúde
A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) publicou duas resoluções normativas na tentativa de dar mais segurança e estabilidade ao mercado de pla...
UFMS recebe inscrições para vários cursos no Vestibular 2018
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) segue com inscrições abertas para o Vestibular 2018, que selecionará alunos para cursos de gradua...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions