A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

01/08/2008 11:28

Pessoas mais pobres são contra mudança de horário

Redação

A proposta de mudança de horário de Mato Grosso do Sul, adiantando em 1 hora, para equiparar ao de Brasília (DF) repercute de forma bastante diferente conforme a classe social das pessoas e setores da economia. Pessoas com menor renda são contrárias à mudança. Os setores de Indústria e Comércio são os que mais a apoiam.

ANS regulamenta novas regras de compartilhamento para planos de saúde
A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) publicou duas resoluções normativas na tentativa de dar mais segurança e estabilidade ao mercado de pla...
UFMS recebe inscrições para vários cursos no Vestibular 2018
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) segue com inscrições abertas para o Vestibular 2018, que selecionará alunos para cursos de gradua...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions