A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

28/06/2008 07:36

Pistoleiro ligado a Beira-Mar é executado em Pedro Juan

Redação

Um homem apontado como um dos integrantes da quadrilha do traficante carioca Fernandinho Beira-Mar foi executado na noite de ontem em Pedro Juan Caballero, na fronteira do Paraguai com Mato Grosso do Sul.

Júlio Javier Fleita Benitez, de 46 anos, foi atingido por 9 tiros. As balas são do calibre 9 milímetros.

Testemunhas do crime afirmam que foram dois pistoleiros, com pistolas automáticas. Eles atingiram Benitez quando ele estava em uma camionete, na Tenente Herrero, no bairro San Gerardo.

O homem morto é apontado como o pistoleiro que agiu no assassinato dos irmãos Ramão e Mauro Morel, em 2001. O dois eram filhos do traficante João Morel, morto no presídio de segurança máxima de Campo Grande também em 2001, crime do qual Beira-Mar é réu como mandante.

Foi a segunda baixa de homens que são ligados a Beira-Mar. Ontem, outro que é apontado como pistoleiro da quadrilha, Alberto Aparecido Nogueira, o Betão, foi preso junto com dois policiais de Mato Grosso do Sul, o civil Wlademirson Olmedo e o militar Wilson Figueiredo.

(Com informações do site Capitán Bado)

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions