A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

15/11/2009 21:23

PM faz operação surpresa nos altos da Afonso Pena

Redação

No final da tarde deste domingo, um comboio de viaturas e motos da Polícia Militar se instalou às 18h em mais uma operação "Alerta na cidade", que acontece esporadicamente nos altos da avenida Afonso Pena, na Capital.

A ação, com 12 motos e 7 viaturas, no total de 35 PMs e mais 7 integrantes da cavalaria, serve tanto para fiscalizar se os veículos estão com alguma irregularidade, como também faz abordagem de pessoas, para verificar se estão alcoolizadas ou se tem algum mandado de prisão em aberto.

A operação começou às 17 horas no início da Afonso Pena e seguiu em direção aos altos da avenida, parando veículos por amostragem.

Pessoas caminhando, passeando de carro, tomando tereré ou em calçadas, lotavam a avenida, quando uma fila de veículos parou para a vistoria.

Nery Filho, de 23 anos, advogado, foi o primeiro a ser abordado nessa tarde e estava sem a habilitação.

"Renovei minha habilitação na quinta-feira e o Detran tem um prazo de 5 dias úteis para entregar a carteira", explica.

Mesmo assim, sem um comprovante qualquer, o rapaz foi multado e levou 3 pontos negativos registrados na CNH. Nery admite que já foi multado várias vezes por não usar o cinto de segurança, avançar sinal vermelho, mas mesmo assim garante achar positiva a fiscalização.

"Acho excelente, mas não achei que ia ser multado por causa do prazo do Detran", lamenta.

A estudante Joyce Amaro, de 22 anos, também foi parada na avenida e multada por estar falando ao celular enquanto dirigia, e por estar sem a carteira de motorista.

Ela ia ao teatro quando a amiga ligou, justificou aos PMs. "Minha amiga ligou para saber se eu estava chegando e não tinha onde parar para atender o celular. Quando me pararam e eu abri a bolsa, vi que tinha esquecido a carteira em casa", conta Joyce.

Para a operação, a PM levou 7 bafômetros, um em cada viatura, e um decibelímetro (equipamento utilizado para realizar medição de níveis de ruído) para verificar quem fica com o som dos automóveis acima do permitido, uma prática em dias de domingo na Afonso Pena.

Segundo o Capitão Geter, no domingo passado a mesma operação foi feita, mas teve uma época em que acontecia com mais frequência, uma filosofia que volta a ser adotada neste fim de ano. "Além das blitzs que acontecem todos os dias. Fazemos no mínimo uma blitz por dia na em algum ponto da cidade", alerta.

Depois dessa abordagem na avenida, começa a checagem de estabelecimentos comerciais com o apoio da Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano), para verificar o horário de funcionamento de bares e a venda de bebidas para menores de idade.

Outra frente de prevenção neste domingo será com a equipe de policiamento tático, com rondas em grupos de 2 viaturas com 6 homens, 6 motos e mais o apoio do serviço reservado, trabalhando à paisana, em veículo comum.

Esse tipo de policiamento entra em ação após às 22h e vai até às 8 horas de amanhã.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions