A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 20 de Janeiro de 2018

12/03/2015 16:14

PM põe inteligência para monitorar protestos e evitar ações de vandalismo

Está programado para acontecer dois dias de protesto no Estado

Juliene Katayama

A Diretoria de Inteligência da Polícia Militar do Estado já está fazendo o serviço de monitoramento para evitar tumultos nas manifestações dos dia 13 e 15 de março. Nos dois dias, todo efetivo militar estará a postos para reforçar o policiamento ostensivo e ações repressivas nos locais de concentração e trajeto das manifestações.

De acordo com o secretário de Segurança Pública, Sílvio Maluf, serão montadas blitz móveis em vários pontos da cidade pelo Batalhão de Policiamento de Trânsito, para evitar acidentes e coibir abusos e imprudências como, por exemplo, a embriagues ao volante.

A estratégia é garantir a ordem e segurança dos manifestantes, além da integridade dos patrimônios públicos e particulares. Maluf alerta que atos de vandalismo não serão tolerados e que aqueles que insistirem neste tipo de ação serão presos e autuados em flagrante. “Pertubação da ordem pública serão contidos com repressão”, informou a PM.

A orientação aos participantes é se afastar ao avistar uma situação de risco ou tumultuo, ficar em alerta com pessoas que estiverem com rostos cobertos e ser pacífico durante o protesto.

Também irão integrar as equipes de reforço de policiamento os homens do Batalhão de Operações Especiais (BOPE), do Batalhão de Policiamento de Choque (BPChoque), do Grupo Armado de Repressão a Roubos a Bancos, Assaltos e Sequestros (Garras), da Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico (DENAR) e da Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos (DERF).



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions