A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

27/12/2013 12:50

Prefeito de Sidrolândia diz que conflitos no campo geraram prejuízos a cidade

Leonardo Rocha
Ari Basso ressaltou que áreas invadidas estão paradas e geram prejuízo para cidade (Foto: Divulgação)Ari Basso ressaltou que áreas invadidas estão paradas e geram prejuízo para cidade (Foto: Divulgação)

O prefeito de Sidrolândia, Ari Basso (PSDB), declarou hoje durante evento na governadoria que não confia no novo prazo estipulado pelo governo federal e que conflitos no campo geraram prejuízo para sua cidade.

“Eles já haviam dito que começariam a resolver a questão em 5 de agosto, e não foi feito, vamos ver se no dia 7 de janeiro, eles já comecem a apresentar o cronograma”, afirmou o prefeito.

Basso também ponderou que as áreas que foram invadidas pelos povos indígenas, deixaram de produzir e gerar riquezas a cidade.

“Elas (fazendas) estão paradas, sem qualquer movimentação, a cidade deixa de arrecadar impostos, a agricultura e pecuária ficam paradas”.

O prefeito explicou que ainda não teve como avaliar quanto o município deixou de arrecadar com este conflito no campo, mas espera que as autoridades competentes cheguem a alguma conclusão. “Estamos na espera, para que uma solução seja colocada em prática”.

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, afirmou que pretende estipular o cronograma de ações, assim como o valor do pagamento da fazenda Buriti, em Sidrolândia. O governo federal deve utilizar o pagamento via Fepati (Fundo de Participação para aquisição de terras indígenas) que foi criado e “adequado” para esta finalidade.

Governo Federal reduz período do horário de verão para 2018/19
O presidente Michel Temer assinou hoje (15) um decreto reduzindo em duas semanas o horário de verão em 2018. No ano que vem, a medida começará a vale...
Inscrições para o Vestibular 2018 da UFMS seguem abertas
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) segue com inscrições abertas para o Vestibular 2018, que selecionará alunos para cursos de gradua...
Autorização para psicólogos aplicarem terapia de reorientação sexual é mantida
O juiz Waldemar Cláudio de Carvalho, da 14ª Vara Federal de Brasília, decidiu hoje (15) tornar definitiva a decisão liminar (provisória) que havia pr...
Clientes de banco podem renegociar dívidas no "Caminhão do Quita Fácil"
A partir de segunda-feira (18), clientes das agências da Caixa de Campo Grande terão a possibilidade de renegociar suas dívidas atrasadas há mais de ...


Quero passar uma mensagem ao Prefeito Ari Basso.
Meu pai e mais 51 familias de assentados do assentamento Caapuã esperam a mais de 6 meses que o Senhor faça algo pelas estradas da Região e o senhor vem dizer que o conflito com os índios atrapalha a cidade, porque esqueceu dos outros eleitores da área rural?
 
José Roberto Q. Fernandes em 27/12/2013 13:22:26
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions