A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

25/08/2010 10:38

Prefeitura fecha ruas para desfile, a partir das 18h

Redação

A prefeitura de Campo Grande começa a preparar a estrutura para o desfile cívico militar em comemoração ao aniversário da Capital a partir das 18h de hoje.

Serão fechadas as avenidas Afonso Pena, do trecho da Calógeras até a rua 14 de julho, que também fica fechada, mas em meia pista, até a rua Dom Aquino. Amanhã, a 14 fica interditada da rua Mato Grosso até a rua 7 de setembro, das 6h ao meio dia.

As pistas devem ser liberadas às 15h de amanhã.

Cerca de 50 entidades se inscreveram para o desfile e mais de dez mil pessoas irão desfilar na Rua 14 de Julho entre a Rua 15 de novembro e a Avenida Mato Grosso. O desfile está marcado para as 8 horas.

A parada em homenagem à Capital será aberta pela Banda de Música Municipal Maestro Ulisses Conceição e pela Defesa Civil. Em seguida desfila a Associação Dinossauros Triciclo Clube de Campo Grande,seguida por Rock Demolição e pelo desfile dos carros antigos. Logo após entra a Fundação Municipal de Esporte (Funesp), Federação de Automobilismo e Esporte Clube Comercial.

Também participam do desfile: Cotololengo Sul-Matogrossense Orionópolis, Pestalozzi, Escola Especial Raio de Sol, Associação Educacional de Atendimento ao Deficiente Mental, Centro de Educação Especial Girassol, Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais, Instituto Mirim de Campo Grande, Secretaria de Assistência Social, Colégio Militar, Colônia Japonesa, Associação Okinawa, Colônia Libanesa, Colônia Afro, Grupo Guaicuru, União dos Escoteiros do Brasil, escolas particulares, municipais e estaduais, supermercados, Comando Militar do Oeste, Base Aérea de Campo Grande, Banda da Polícia Militar, entre outros.

"No ano de 2009 o público do desfile foi bem menor devido a epidemia de gripe A e a advertência da Secretaria Municipal de Súde (Sesau) que orientou que as escolas não participassem do evento", relembra Roberto Figueredo, diretor presidente da Fundac. "Como essa preocupação não existe mais em 2010, diversas entidades nos procuraram querendo participar. Escolas, exército, colônias e diversos grupos querendo mostrar um pouco mais de sua cultura", completa.

Água - A Coordenadoria de Defesa Civil e do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) organizaram a estrutura que dará suporte ao desfile. O objetivo é amenizar os efeitos da baixa umidade relativa do ar, com distribuição de água e agilidade na assistência de pessoas tiverem algum tipo de indisposição.

Próximo ao palanque das autoridades, será montado o principal posto de atendimento com equipes da Defesa Civil e da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde). A unidade de atendimento estará equipada com seis leitos para acomodar as pessoas que passarem mal e necessitarem de alguns momentos de repouso, principalmente idosos.

Este também será um ponto de encaminhamento de crianças que se perderem de seus responsáveis.

Ao longo da rua 14 de Julho, entre a avenida Mato Grosso e a rua Barão do Rio Branco, haverá cisternas com água para o público e profissionais que estiverem trabalhando, que também disporão de água em copinhos. Neste mesmo trecho, voluntários da Defesa Civil estarão com pranchas rígidas com macas para encaminhar, com agilidade, ao posto de atendimento algum caso de desmaio ou mal súbito.

Marcha e Daniel - Para a realização da Marcha para Jesus 2010 e o show do cantor Daniel, a partir das 12h da quinta-feira até às 12h do sábado (28), estará interditada a avenida Fernando Corrêa da Costa, no trecho que compreende a rua 14 de Julho e a avenida Calógeras.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions