A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

06/11/2011 22:02

Presidência e ANJ divulgam nota de pesar pela morte de cinegrafista

Pedro Peduzzi, Repórter da Agência Brasil

A Presidência da República e a Associação Nacional de Jornais (ANJ) divulgaram nota de pesar pela morte do cinegrafista Gelson Domingos, da Rede Bandeirantes de Televisão (Band). Ele foi baleado na manhã de hoje (6), durante ação do Batalhão de Operações Especiais (Bope) contra o tráfico de drogas na Favela de Antares, em Santa Cruz, na zona oeste do Rio.

Na nota, a Secretaria de Comunicação Social (Secom) da Presidência da República manifesta pesar aos parentes, amigos e companheiros e diz que “o trágico episódio reforça em toda a sociedade o sentimento de gratidão e de solidariedade a todos os profissionais de todas as categorias que, como Gelson, arriscam-se em suas tarefas diárias em prol dos brasileiros.”

A ANJ também divulgou nota manifestando pesar, pedindo a apuração das circunstâncias em que a morte ocorreu e a investigação de onde partiu o disparo. “Essa é mais uma demonstração da insegurança que atinge os brasileiros, cidadãos comuns ou não, como no caso do cinegrafista. A violência afeta a liberdade de imprensa e de expressão; o profissional morreu trabalhando para informar”, diz a nota.

O enterro do cinegrafista será amanhã (7) à tarde, no cemitério Memorial do Carmo, no Caju.

Mega-Sena acumula e prêmio no sábado pode chegar a R$ 39 milhões
A Mega-Sena mais uma vez ficou sem vencer na noite desta quarta-feira (13) e, assim, acumulou. O prêmio pode subir para R$ 39 milhões no sorteio do p...
Chuva intensa de meteoros terá pico na madrugada de quinta-feira
A chuva de meteoros Geminídeos – uma das mais intensas e brilhantes do ano – vai ocorrer durante a noite de hoje (13) e a madrugada de amanhã (14) e ...
STF tem maioria a favor de delação negociada pela Polícia Federal
O Supremo Tribunal Federal (STF) formou hoje (13) maioria para manter a autorização legal para que a Polícia Federal (PF) possa negociar delações pre...


COM TODO RESPEITO AOS FAMILIARES NAO DEVE TER INVESTIGAÇÃO NENHUMA POIS QUANDO SE PROPOS A COBRIR UMA REPORTAGEM DESTA JA SABIA DOS RISCOS, DEMOROU PARA ALGUM REPORTER OU CINEGRAFISTA MORRER EM UMA AÇÃO DESSAS, ESTAS AÇÕES NAO DEVEM TER PARTICIPAÇAO DA IMPRENSA QUE MANDA SEUS FUNCIONARIOS SE ARRISCAREM EM BUSCA DO IBOPE!!
 
CARLOS DAMASCENO em 07/11/2011 01:58:38
É triste, lamentável e inadmissível o que ocorreu com este trabalhador. Os marginais não respeitam a justiça, a polícia e agora perdeu de vez o medo que tinha da mídia.
Mas também, esperar o que em um país que não sabe estruturar os setores de segurança pública. Há quanto tempo os Policiais civis e Militares fazem passeatas por todo o Brasil pedindo aprovação de uma medida para melhorar o si
 
JOICE CAROLINE em 06/11/2011 10:40:22
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions