A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

24/04/2010 20:36

Presidente Lugo promulga estado de exceção no Paraguai

Redação

Como consequência da morte de quatro pessoas na Estância Santa Adélia, de um empresário douradense, a cerca de 150 km de Ponta Porã, o estado de exceção para cinco Departamentos (estados) do Paraguai foi promulgado na noite deste sábado pelo presidente Fernando Lugo.

A lei, aprovada também hoje pelo Senado, vale por 30 dias, com o objetivo de combater a guerrilha esquerdista EPP (Exército do Povo Paraguaio), com cerca de 100 membros.

Com sete artigos, a lei autoriza o presidente da República e o comandante em chefe das Forças Armadas a ordenar prisões, sem ordem judicial, por decreto, empregando Força Pública, Forças Armadas e Polícia Nacional.

O estado de exceção foi um recurso muito utilizado durante os 35 anos de ditadura de Alfredo Stroessner. O último estado de exceção no Paraguai, segundo a Folha Online, ocorreu em 2002, durante manifestações violentas contra o governo de Luis González Macchi.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions