A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

13/03/2008 10:03

Quadrilha fez pelo menos 14 assaltos em Campo Grande

Redação

A quadrilha presa na semana passada após invadir a empresa Rodogrande, em Campo Grande, fez pelo menos 14 assaltos. Além dos quatro autuados em flagrante, os roubos tinham a participação do vendedor Orlando Colman Gutierrez, 31 anos, e do policial militar Hemerson Raimundo Campos, 28anos, preso na sexta-feira (7).

Orlando foi preso terça-feira (11) na livraria Moderna, onde trabalha. Ele nega envolvimento com a quadrilha, mas conhece os presos. Orlando foi reconhecido pelas vítimas e delatado pelos outros presos, que são: Alex Sandro Gutierrez Gonçalves, 29 anos, Mateus da Silva de Almeida Lima, 19 anos, Alessandro Aparecido Justino, 22 anos, e Aguinaldo Romero Ferreira, 35 anos, que deu nome falso de Roberto Marcondes.

A quadrilha assaltava postos de combustíveis, casas lotéricas, panificadoras e até empresa de transporte de valores. Os crimes na maioria das vezes eram planejados pelo policial militar, que era lotado na Companhia de Guarda e Escolta.

O policial utilizava uma motocicleta Honda Hornet, de cor amarela, e os demais do bando uma Twister de cor preta e outra de cor vermelha,  todas apreendidas.

Entre os locais assaltados estão o PosteKo, na Júlio de Castilhos, por três vezes; o posto Marechal Deodoro, por duas vezes; e padaria Empório do Pão, por duas vezes. Na segunda, Matheus e Alessandro roubaram um notebook que já foi recuperado.

O computador estava com Odete dos Santos Gonçalves, que foi autuada em flagrante por receptação. Todos os presos estão com prisão preventiva decretada.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions