A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

11/03/2010 17:00

Secretaria espera repasse da merenda para terça-feira

Redação

A SED (Secretaria Estadual de Educação) espera para a próxima terça-feira (16) o repasse do MEC (Ministério da Educação) destinado à compra de merenda para as escolas que neste ano foram escolhidas para desenvolver aulas no período integral. A informação é da superintendente de políticas de educação, Sheila Cristina Vendrami.

Ela explica que os recursos serão depositados na conta das APMs (Associações de Pais e Mestres) das escolas. Depois disso, será aberta uma espécie de licitação para a compra dos alimentos.

Apesar do procedimento necessário, a estimativa da secretaria é de que as aulas em turno integral comecem no dia 20 deste mês nas escolas da Capital que foram escolhidas para desenvolver o projeto a partir deste ano.

Segundo a superintendente, dois trabalhos distintos são desenvolvidos nesse sentido, ambos com respaldo do Governo Federal. Um deles é o Mais Educação, que atende a crianças do ensino fundamental e médio.

Ele teve início no ano passado em duas escolas e agora foi ampliado, beneficiando onze estabelecimentos de ensino na Capital. Pelo projeto, crianças recebem aulas de reforço e desenvolvem atividades extracurriculares.

Outras escolas da Capital foram selecionadas pela secretaria para executar o projeto do Ensino Médio Inovador, que aumenta a carga horária e será desenvolvido a partir deste ano. Somadas, as duas propostas irão beneficiar 14 escolas.

Além da necessidade do repasse de verbas, a superintendente ressalta que há necessidade de concluir os planejamentos de oficinas para depois iniciar as aulas de período integral.

Questionada se houve atraso no cronograma, Sheila diz que não e esclarece que em novembro havia uma lista das escolas com previsão de serem escolhidas para o projeto.

Entretanto, essa seleção dependeu da quantidade de salas ociosas em cada uma das escolas, o que foi possível saber apenas depois do período de matrículas no início deste ano.

Diante da situação, a Secretaria não quis iniciar aulas integrais pelos dois projetos em momentos distintos, mas aguarda concluir o planejamento, além do repasse das verbas, para que eles sejam aplicados simultaneamente.

De outra forma, irmãos que estudam na mesma escola em diferentes séries poderiam ter divergência de horários, com um assistindo às aulas o dia todo e o outro apenas em um período, segundo explicação dada pela secretaria.

Reportagem do Campo Grande News mostrou que na escola estadual Maestro Frederico Liebermann, no bairro Monte Castelo, em Campo Grande, alunos matriculados para período integral assistem a apenas um turno, por conta do atraso no repasse da merenda.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions