A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

04/10/2016 08:40

Temer propõe que Brasil lidere acordo de combate ao tráfico entre países

Priscilla Peres
Michel Temer e Horácio Cartes se reuniram ontem, no Paraguai. (Foto: ABC Color)Michel Temer e Horácio Cartes se reuniram ontem, no Paraguai. (Foto: ABC Color)

Em visita ao Paraguai ontem, o presidente Michel Temer (PMDB) propôs que o Brasil lidere um esforço entre países para combater o narcotráfico nas fronteiras. Ele está no país vizinho, onde se reuniu ontem com o presidente Horácio Cartes.

De acordo com reportagem da Folha de SP, a ideia do governo brasileiro é coordenar, regionalmente, ações de combate ao narcotráfico e ao contrabando. No dia 8 de novembro, ministros do Paraguai, Argentina, Uruguai, Chile e Bolívia devem se reunir em Brasília para falar novamente sobre o tema.

"O crime é cada vez mais transnacional e o enfrentamento do crime não é, ainda está dentro de fronteiras. Então temos que fazer essa integração, e aqui no Cone Sul é essencial", disse José Serra, ao lado do chanceler paraguaio, Eladio Loizaga.

O presidente do Paraguai é dono de marcas de cigarro que estão entre as mais contrabandeadas para o Brasil. Porém, o chanceler José Serra disse que o comprometimento do presidente é "fortíssimo".

"Cigarro é uma mercadoria entre várias outras: você tem tráfico de drogas, de armas e de mercadorias, mas não entramos no detalhe de nenhuma", disse Serra desconversando, segundo a Folha de SP.

Para Temer, a visita ao país é estreitar os laços e propor acordos bilaterais. O presidente brasileiro se disse confiante com o encontro e espera sair da reunião com novos acordos de cooperação assinados a partir da visita.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions