A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

06/08/2010 17:11

TJ derruba decisão que mandava BB pagar R$ 41 milhões

Redação

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul suspendeu a decisão que obrigava o Banco do Brasil a pagar quantia milionária a uma família que briga há vários anos com o banco Nossa Caixa, Nosso Banco, comprado pelo BB.

Por causa da decisão, que envolve um valor de R$ 41, milhões, a principal agência do Banco do Brasil em Campo Grande ficou fechada hoje para o atendimento ao público.

O problema provocou reclamações de clientes que foram até o BB e só puderam usar o atendimento eletrônico.

Segundo a assessoria de imprensa do Banco do Brasil, o fechamento foi por questão de segurança, pois chegou a haver ameaça de invasão da agência por um dos quatro oficiais de justiça que foi ao local para notificar a instituição a fazer o pagamento da quantia milionária. Policiais militares também foram ao local.

Batalha milionária - A briga judicial, que corre em segredo de justiça, envolve o grupo Giordani Costa, Hotéis e Turismo, pertecente aos herdeiros do primeiro governador de Mato Grosso do Sul, Harry Amorim Costa.

A disputa milionária motiva vários processos na justiça. O Banco tenta no STJ (Superior Tribunal de Justiça) derrubar a sentença contra a instituição financeira.

O caso, segundo o processo da primeira instância, corre desde 2005. Nesta semana, o juiz responsável, Geraldo de Almeida Santiago, determinou o cumprimento da sentença.

O BB recorreu e hoje o desembargador Osvaldo Melo concedeu efeito suspensivo à decisão. Com isso, a agência do Banco Brasil na Afonso Pena deve voltar ao funcionamento normal na segunda-feira.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions